• 06/04/2013 (09:14:00)

  • Prime Comunicação

  • Fotógrafo: Edson Castro

Futsal

Atlântico elimina a ACBF e está na decisão da Taça Brasil

O Atlântico APTI URI está na final da Taça Brasil de Futsal

O Atlântico APTI URI está na final da Taça Brasil de Futsal. Nesta sexta-feira o time eliminou a ACBF vencendo por 4 a 2 (2 a 2 no tempo normal e 2 a 0 na prorrogação). Os dois times gaúchos fizeram o jogo mais emocionante da competição até agora. Com ginásio lotado, o Atlântico viu o torcedor comemorar em casa a classificação para a decisão.

Neste sábado, o Atlântico enfrenta o Joinville/Krona na decisão da Taça Brasil. O jogo começa às 13h, no Caldeirão do Galo. A sexta-feira entrou para a história do clube erechinense. “Isto que está acontecendo hoje é inédito para Erechim. O torcedor é apaixonado e mostrou isso mais uma vez. Eu disse ontem que nosso time ia dar a vida para vencer hoje (sexta) e foi o que aconteceu. Estão todos de parabéns. Ontem (quinta) os jogadores vieram nos pedir desculpas por não ter conseguido ganhar do Joinville. Mostraram que estavam prontos para chegar a final”, vibrou o diretor de Futsal, Aljocir Berticelli.

Galo deixou a dores de uma lesão ainda não totalmente curada de lado para comemorar a classificação. “Eu estava com dor, tentei fazer o máximo para ajudar a equipe. Este é o fruto do trabalho forte que a gente vem fazendo, uma pré-temporada muito boa”, disse. E vibrou com o torcedor, deixando ainda um recado. “Ver este ginásio lotado é emocionante. Nos classificar em cima da ACBF, e neste sábado tem o Joinville, nada na nossa vida é fácil. Mas nós vamos mudar esta história e será amanhã (sábado)”.

Jogo emocionante

Mais de 2,5 mil pessoas estiveram no Ginásio Caldeirão do Galo para apoiar o time da casa no jogo, o Atlântico APTI URI. E o time da casa foi para cima da ACBF desde o início do jogo. E logo a 59 segundos da partida, Grilo aumentou a empolgação da torcida abrindo o placar em favor dos donos da casa.

Mas Atlântico e ACBF é simplesmente um dos maiores clássicos do futsal nacional e portanto, não tem jogo fácil para nenhum dos times. E Rodrigo tratou de deixar isso bem claro ao empatar a partida aos 7min52.

Hector, ainda na primeira etapa, aos 16min29 colocou novamente o Atlântico na frente no marcador. Na etapa final, a 2min45, novamente Rodrigo empatou outra vez o jogo. E o tempo normal terminou assim, empatado.

Na prorrogação, a ACBF tinha a vantagem do empate. Porém, a 1min42 do tempo extra, Zico tratou de mudar o ritmo da história do jogo ao fazer o primeiro gol do time erechinense. Se 1 a 0 já era ruim para a ACBF, imagina quando Keké marcou o segundo gol do Atlântico na prorrogação.

A partir daí o time comandado por Paulinho Sananduva foi só pressão. Atuou o restante do tempo com goleiro linha, mas não conseguiu reverter a situação do adversário e deu adeus a competição.

A decisão

O adversário do Atlântico na decisão da Taça Brasil de Futsal, é o Joinville, que nesta sexta eliminou o Minas, também precisando da prorrogação para vencer: 4 a 3. O time catarinense é o atual vice-campeão do torneio e chega para a decisão confirmando o favoritismo do início do torneio.

O jogo decisivo será neste sábado, às 13h, no Caldeirão do Galo. Os portões abrem por volta das 11h. Ao torcedor, segue a não permissão de entrar no ginásio com objetos como cuia e bomba.

Muda valor dos ingressos

É importante o torcedor estar atento para os novos valores dos ingressos para a decisão, neste sábado. Sócios do CER Atlântico pagam R$ 15,00 por bilhete. Já os não sócios, pagam R$ 20,00. A venda dos ingressos começa às 11h deste sábado.