• 29/01/2017 (09:43:15)

  • Da Redação

  • Repórter: Site equilíbrio total alimentos

  • Fotógrafo: Internet

Com que frequência limpar a caixa de areia?

A caixa de areia é como um banheiro para você: se não estiver higiênico e agradável, ele não vai querer usar.

Existem diversos modelos de caixas de areia disponíveis no mercado. Existem até as caixinhas autolimpantes, porém estas não são boas opções para gatinhos tímidos, já que produzem sons que podem assustá-los quando avisam os donos sobre a necessidade de ser limpa. Além disso, são mais caras e podem ser opções distantes da realidade de algumas famílias.




A retirada dos resíduos pode ser feita uma ou duas vezes por dia, mas o ideal é que aconteça todas as vezes que o gato usar a caixa. Como a caixa de areia serve para aglutinar a urina e as fezes do gato, elas se tornam espécies de bolinhas mais secas, que podem ser retiradas sem grandes dificuldades.Nesse momento, a retirada deve ser feita com uma pá vazada, que permita que somente os resíduos fiquem detidos e a areia ainda limpa continue na caixa. É importante repor com um pouco mais de areia sempre que o nível baixar. A troca de areia deve ser feita uma vez por semana.

Lave a caixa com detergente neutro e água morna e esfregue para retirar os resíduos. Uma fina camada de bicarbonato após a secagem e antes de repor a areia pode ajudar a acabar com os odores restantes. Mas evite o uso de desinfetantes ou aromatizadores ,que além de tóxicos podem irritar o gato. Eles não gostam de odores fortes!


A troca da caixa deve ser feita sempre que estiver gasta, danificada, quebradiça ou muito arranhada. Ou, ainda se, mesmo mantendo limpa, o gato começar a rejeitá-la. E lembre-se: o número ideal de caixas em uma casa com muitos gatinhos é o número de gatinhos mais uma, pois eles não gostam de dividir o mesmo espaço.