• 21/09/2018 (15:49:27)

  • Repórter: Da Redação

  • Fotógrafo: Divulgação

Em São Valentim

Bombeiro Voluntário honorário morre ao sofrer parada cardiorrespiratória 

Os Bombeiros Voluntários estão de luto em São Valentim com a morte repentina do advogado Grecio Cavalcanti, de 61 anos, bombeiro honorário e líder comunitário. Ele morreu ontem(20) no início da tarde. Passou mal em casa, foi removido pelo plantão do Corpo de Bombeiros para atendimento médico na UBS da cidade. Deu entrada conversando com os socorristas e equipe da Unidade Básica de Saúde. Minutos depois foi vítima de uma parada cardíaca irreversível. 

A direção e comando do Corpo de Bombeiros Voluntários de São Valentim, em nota, diz que "Grecio Cavalcanti foi amigo e companheiro na batalha travada pela comunidade para a fundação e  estruturação da Associação de Bombeiros Voluntários e se fez presente em todos os momentos que a instituição precisou de apoio jurídico. Foi incansável nos seus préstimos a comunidade e deixa o legado de amor ao próximo, fiel como amigo, companheiro no trabalho comunitário e profissional honrado."

Na manhã desta sexta-feira(21), pela primeira vez em sua história, uma viatura do Corpo de Bombeiros de São Valentim conduziu um cortejo fúnebre até a igreja matriz para a cerimônia religiosa que antecipou a cremação do corpo em Passo Fundo, e  "quis o destino que fosse um bombeiro", disse a Comandante, Alenir Bortolotto Bruxel".