• 10/01/2019 (12:44:39)

  • Da Redação

Assistência Social de Erechim

Assistência Social ampliou atuação e beneficiou milhares em 2018

A Secretaria Municipal de Assistência Social realizou um levantamento do ano de 2018 onde constatou saldo positivo de atuação. Diversas ações de gestão foram desenvolvidas para gerar economicidade aos cofres municipais, destacando-se, entre elas, a terceirização do serviço de transporte dos Conselheiros Tutelares e a redução de aluguéis. Com a economia gerada, foi possível ampliar as equipes técnicas nos três Centros de Referência em Assistência Social (Cras) e no Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) e com isso restabelecer serviços assistenciais nessas unidades.

Os reflexos das adequações são confirmados no número de famílias atendidas em 2018, foram mais de 6.490 acompanhadas pelo Programa de Atendimento Integral à Família (Paif), 2.341 pessoas participando regularmente dos grupos do SCFC - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e em torno de 2.490 que participaram de atividades de caráter não continuado. No âmbito da proteção especial, foram 1059 famílias atendidas no Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (PAEFI) e 667 adolescentes acompanhados no cumprimento de medidas socioeducativas.

No Abrigo Cidadão foram acolhidos, em 2018, 474 pessoas que tiveram naquele endereço o suporte adequado com estrutura adaptada para seus momentos de necessidade. A Central de Doações, mais um dos serviços coordenados pela Secretaria de Assistência Social, recebeu e distribuiu 55.600 peças de vestuário entre roupas e calçados, 1.200 unidades de móveis diversos, 800 utensílios domésticos e 1900 roupas de cama.  Em torno de 2.500 famílias foram beneficiadas com a diversidade de doações que têm toda uma manutenção e adequação para que os usuários recebam os materiais em bom estado de uso.