Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segundo imprensa argentina, Guerrero ficará no Inter
Colorado vive expectativa de que centroavante peruano se reapresente, apesar de dívida com luvas.
CP
por  CP
06/01/2020 22:42 – atualizado há 2 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

Paolo Guerrero é aguardado em Porto Alegre na reapresentação dos jogadores do Inter e do início da pré-temporada, nesta terça-feira. A expectativa é a mesma da imprensa argentina, que nesta segunda noticia que as tratativas do Boca Juniors com o centroavante não avançar. Conforme o jornalista César Luis Merlo, os agentes do peruano na argentina informaram a direção dos hermanos que ele permanecerá no Colorado.

Os dirigentes colorados não foram comunicados nem pelo jogador, nem por seus representantes. A princípio, nem precisariam, pois ele segue jogador do clube, com contrato em vitor. Porém tudo indica que a tensão seguirá até que ele se reapresente no CT Parque Gigante.

No entanto, além do interesse do Boca Juniors, há uma pendência financeira entre o Inter e o centroavante, que, neste momento, curte os últimos dias de férias em Lima, a capital peruana. Quando Guerrero foi contratado, no segundo semestre de 2018, foi acertado um pagamento de R$ 9 milhões ao jogador até dezembro de 2019. O valor refere-se às luvas e ao aluguel do passe, já que ele estava livre quando optou pelas proposta do Inter. Além destes R$ 9 milhões, Guerrero recebe um salário dentro dos padrões do clube.

Guerrero, então, adquiriu uma casa em um condomínio na região Metropolitana. Afinal, acertou um contrato de três anos. O condomínio, onde moram outros jogadores da dupla Gre-Nal, fica à beira do Guaíba e pode receber barcos em canais. Ele esperava pagar pelo imóvel com o dinheiro que o Inter lhe pagaria, o que não aconteceu.

Os dirigentes colorados evitam o assunto, mas confirmam informalmente que o pagamento não foi realizado por falta de recursos. Segundo eles, foi feito um novo acordo, com outros prazos. Ainda assim, o imbróglio alimenta a indefinição sobre o futuro do jogador, que terminou 2019 como a principal peça do time.

Enquanto isso, o Inter busca recursos e está acertando a venda dos 50% dos direitos federativos que conserva de Eduardo Sasha. O comprador seria o próprio Santos, que tem ofertas da Europa pelo jogador. O valor é especulado na casa dos 2 milhões de dólares, que seriam pagos de forma parcelada em um prazo longo.

Os dirigentes colorados também aguardam a resposta de Charles Aránguiz à proposta do clube. O negócio está alinhavado desde o ano passado, mas não será confirmado antes de o jogador assinar um pré-contrato. Nessa segunda, alegando uma lesão muscular, ele deixou a pré-temporada que o Bayer Leverkusen está realizando na Espanha.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...