Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Edson Castro/Prime Comunicação
Brasileiro de Rally abre com gaúchos no alto do pódio
Ulysses Bertholdo e Marcelo Dalmut retornam aos rallys com vitória na etapa de Pomerode, em SC
Prime Comunicação
por  Prime Comunicação
15/03/2020 10:57 – atualizado há 5 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade teve a disputa de sua primeira etapa neste sábado, 14, na cidade de Pomerode, SC. E o pódio da categoria mais forte teve domínio gaúcho.

Ulysses Bertholdo e Marcelo Dalmut (Mitsubishi Lancer) venceram a etapa com 1h42min41, após a disputa de cinco especiais, uma delas a maior já disputada nos últimos anos com 32 quilômetros de trecho cronometrado.

“Valeu muito ter completado em primeiro lugar, foi um rali difícil, muita curva, muito calor, a temperatura dentro do carro era forte, mas contamos com um bom trabalho do Marcelo (Dalmut), levantamento perfeito, o carro preparado para as situações que iríamos enfrentar e o resultado acabou vindo. Feliz por, após três anos, retornar e conseguir um bom resultado”, disse Bertholdo.

Milton Pagliosa e Vinicius Anziliero, que formaram dupla pela primeira vez, chegaram em segundo lugar na etapa, mas levaram a pontuação extra da “Power Stage”, tendo o melhor tempo da última especial da prova. “Nosso objetivo era concluir, enfrentamos um rali com muito calor, eu e o Vinicius andando pela primeira vez juntos, mas fomos buscar um resultado positivo. Temos a agradecer toda a comunidade de Pomerode pelo incentivo nas especiais”, disse Pagliosa.

A dupla campeã de 2019, os irmãos Juliano e Rafael Sartori chegou em terceiro lugar e também sentiu os efeitos de uma “prova de resistência” em Pomerode. “A temperatura complicou um pouco, tivemos aquecimento do motor também, mas coisas de rali. Obviamente que estamos felizes por completar e agora é trabalhar para que na próxima etapa consigamos um resultado melhor”, acrescentou Sartori.

As três duplas andaram pela categoria Rally 2, a mais forte, dos carros de tração 4x4. Na Rally 4, a mais forte para os carros de tração 4x2, vitória paranaense com Maurício Neves/Leandro Ferrarini (1h49min28 / VW Gol). “Rali duríssimo, especial de mais de 30 quilômetros, outra de 18 quilômetros difícil, mas gostei do resultado, há um tempo sem andar com o Gol, eu e o Leandro voltando a andar e ganhar, agora aguardar o que vem pela frente”, ampliou Neves.

E na Rally 5 o primeiro lugar foi para Perci Hultmann/Juliano Zerbinato (2h04min46 / Peugeot 207). “Estou satisfeito, acredito que quem termina esta prova já é vencedor, um rali difícil, mas estamos felizes por completar e vencer”, completou Hultmann.

A segunda etapa do Brasileiro está programada para a cidade de Estação, no RS, no mês de abril.

RESULTADO FINAL DO RALLY DE POMERODE

1 – Ulysses Bertholdo/Marcelo Dalmut – Mitsubishi Lancer – Rally 2 – 1h42min41

2 – Milton Pagliosa/Vinicius Anziliero – Mitsubishi Lancer – Rally 2 – 1h46min30

3 – Juliano Sartori/Rafael Sartori – VW Polo MR – Rally 2 – 1h46min38

4 – Maurício Neves/Leandro Ferrarini – VW Gol – Rally 4 – 1h49min28

5 – Tiago Reijers/Giovani Bordin – Peugeot 207 XRC – Rally 2 – 2h01min17

6 – Perci Hultmann/Juliano Zerbinato – Peugeot 207 – Rally 5 – 2h04min46

7 – Julio Cartaxo/Joel Kravtchenco – Peugeot 206 – Rally 5 – 2h08min17

8 – Francisco Gallucci/Murilo Spironelo – Peugeot 206 – Rally 4 – 2h10min25

9 – Emerson Cavassin/Gilson Rocha – Peugeot 207 – Rally 4 – 2h15min12 (...)

Calendário do Campeonato Brasileiro de Rali 2020

Rally Pomerode - 13 e 14 março

Rally de Estação - 18 e 19 abril

Rally Erechim - 28 a 31 maio

Rally Rio Negrinho - 19 e 20 setembro

Rally da Graciosa - 07 e 08 novembro

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE