Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Divulgação
Tribunal de Justiça do RS suspende prazos processuais por 30 dias e restringe atendimento ao público
Medidas adotadas pelo TJRS na prevenção ao contágio do coronavírus foram anunciadas nesta segunda-feira.
Assessoria/TJRS
por  Assessoria/TJRS
17/03/2020 07:37 – atualizado há 3 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Voltaire de Lima Moraes, recebeu, nesta segunda-feira (16), a visita do Presidente da OAB do Rio Grande do Sul, Ricardo Breier. Na ocasião, o dirigente da Ordem manifestou sua preocupação com os desdobramentos envolvendo o aumento dos casos de contágio com o Coronavírus no que se refere à rotina de trabalho dos Advogados.

A informação publicada pela assessoria de imprensa no site do TJRS, não fala se as medidas passam a valer a partir de hoje.

Ele informou que a OAB já está tomando todas as medidas necessárias para a prevenção dos profissionais e da sociedade em geral.

O Presidente Voltaire, por sua vez, destacou que desde a semana passada o TJ já vem atuando na prevenção ao contágio, enfatizando a assinatura, na tarde desta segunda-feira, de uma nova Resolução acerca do tema, suspendendo, pelo prazo de 30 dias, os prazos processuais, além de restringir o atendimento ao público e alterar o horário de expediente para das 12h às 19h. "Estamos realizando todos os esforços para evitar o contágio de magistrados, servidores, estagiários e da sociedade com o Coronavírus", disse o Desembargador, reiterando também a importância da criação do Comitê de Monitoramento e Prevenção, comandado pela 1ª Vice-Presidente do TJ, Desembargadora Liselena Schifino Robles Ribeiro.

O Presidente da OAB esteve acompanhado pelo Desembargador Eleitoral do TRE gaúcho, Gérson Fischmann, Conselheiro Estadual da Ordem. Também participaram da audiência os Presidentes dos Conselhos de Relações Institucionais do TJ, Desembargador Francisco José Moesch, e de Informática, Desembargador Alberto Delgado Neto.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE