Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Rio Grande do Sul
Morre aos 82 anos Emídio Perondi, ex-deputado federal e ex-presidente da Federação Gaúcha de Futebol
Ao longo de quase seis décadas de vida pública, Emídio Perondi também foi vice-presidente da Confederação Brasileira de Futebol, prefeito de Ijuí e jogador e presidente do Esporte Clube São Luiz.
O Sul
por  O Sul
06/09/2020 12:04 – atualizado há 1 minuto
Continua depois da publicidadePublicidade

Morreu na noite deste sábado (05) o ex-deputado federal e ex-presidente da FGF (Federação Gaúcha de Futebol) Emídio Perondi, aos 82 anos. A informação foi confirmada pelo irmão dele, Darcísio Perondi. Emídio Perondi morreu em casa, por volta das 22h, segundo o irmão, por razões cardioneurológicas. Neste sábado, Perondi havia completado 82 anos de idade.

Nascido em 5 de setembro de 1938, Emídio Perondi foi deputado federal entre 1978 e 1986, pelas legendas da Arena e do PDS. Ele também foi um dos fundadores do Jornal da Manhã, de Ijuí, em 1974. Ele presidiu a FGF entre os anos de 1991 e 2004.

Em nota, o Esporte Clube São Luiz, de Ijuí, onde Perondi foi jogador e presidente, lamentou a morte “de um dos ícones da história” do clube. Perondi foi “uma das grandes pessoas que ajudaram a construir o que é hoje” o São Luiz, afirma o clube.

O Internacional também publicou nota em seu Twitter. “O Inter lamenta o falecimento do seu ex-conselheiro e ex-presidente da Federação Gaúcha de Futebol Emídio Perondi, ocorrido na noite deste sábado, aos 82 anos. O Clube do Povo deseja força aos familiares e amigos”, diz a nota.

A FGF lamentou a morte de Perondi e também publicou nota de pesar. “A Federação Gaúcha de Futebol manifesta profundo pesar pelo falecimento de seu ex-presidente Emídio Odósio Perondi. Natural de Tupanciretã, Perondi havia completado 82 anos neste sábado. Ele esteve à frente da entidade máxima do futebol no Rio Grande do Sul ao longo de quase 13 anos. Perondi comandou a FGF entre março de 1991 e janeiro de 2004. Ao longo de quase seis décadas de vida pública, Emídio Perondi também foi vice-presidente da Confederação Brasileira de Futebol, deputado federal, prefeito de Ijuí e jogador e presidente do Esporte Clube São Luiz. Diante da perda irreparável, a Federação presta condolências a familiares e amigos e comunica que decreta luto oficial por três dias”, disse em nota.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...