Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Esporte
Convocado para Seleção Brasileira, Thiago Galhardo destaca "ano mágico"
Aos 31 anos, jogador terá sua primeira oportunidade com a Seleção.
CP
por  CP
15/11/2020 22:14 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

O técnico Tite convocou, neste sábado (14), o jogador Thiago Galhardo para a Seleção Brasileira. Atleta do Inter, ele fará parte do grupo que enfrenta o Uruguai na próxima terça-feira (17), em Montevidéu, no Estádio Centenário. A partida é válida pela quarta rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo 2022. 

Thiago Galhardo vive grande fase no Inter e chegou a ser eleito por jornalistas o melhor jogador do Brasileirão no mês de agosto. Aos 31 anos, ele terá sua primeira oportunidade com a Seleção.

O jogador do Inter foi chamado para o lugar do atacante Pedro, do Flamengo, desconvocado após sofrer uma pequena lesão no adutor da coxa direita. Ele sentiu um desconforto no final do treinamento realizado no CT do São Paulo neste sábado e, logo após a atividade, foi submetido a exames de imagem. Com o resultado, a comissão técnica optou pela desconvocação do atleta. 

Galhardo contou como ficou sabendo de sua convocação e revelou que se emocionou com a notícia. Ele já estava no avião com a delegação do Inter, que voltaria a Porto Alegre após perder para o Santos por 2 a 0, na Vila Belmiro, quando foi comunicado da mudança de planos. 

"Falar com os familiares e com os amigos é uma loucura. É a realização de sonho. Nós jogamos bola para viver isso. Poder estar representando 220 milhões de pessoas é uma honra muito grande para mim", acrescentou.

"O Rodrigo Caetano (executivo de futebol do Internacional) chegou do nada e falou: "você vai para a seleção brasileira, o Juninho Paulista quer falar com você". E peguei o telefone e ele comunicou que iriam me buscar. O avião já estava pronto para decolar, para sair, mas teve que abrir tudo. Nisso que anunciaram, todo mundo começou a bater palmas. Foi uma emoção muito grande, não tem muito o que falar. Na hora, comecei a chorar. Comecei a pensar na minha família", destacou o atacante, que seguiu direto para o hotel na capital paulista onde estão concentrados os jogadores da seleção.

Lucas Figueiredo/CBF

Galhardo revelou que tratou de avisar logo sua mãe da novidade a fim de acalmar seu pai, pois ele temia o pico de emoção que a notícia poderia causar. Mais calmo e já com o uniforme do Brasil no corpo, o jogador tirou uma foto para enviar ao seu pai, Moacir. "Esse ano tem sido mágico para mim. Hoje eu estou tendo o dia mais feliz da minha vida. Todo mundo mandando mensagem, as coisas mudam muito rapidamente. Você atinge um patamar que você sonha, espera, acredita, mas quando acontece, você pode dizer que está preparado, mas não está. Eu estou vivendo um momento mágico. Tenho certeza que meus filhos, quando crescerem, vão ter muito orgulho de mim", afirmou.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...