Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cidade
COVID-19 na R16: Aumento no número de casos ativos e de internações acendem alerta para a região
Entendendo que a situação é bastante grave, cogestão não será acionada e bandeira vermelha entra em vigência a partir de amanhã.
Redação
por  Redação
23/11/2020 16:06 – atualizado há 23 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O Comitê Regional de Atenção ao Coronavírus da Amau,informou na manhã desta segunda-feira que a sobrecarga do sistema de saúde vem se confirmando nos últimos dias e chegou, ontem, à ocupação de 80% dos leitos clínicos,superando a marca de 60% dos leitos de UTI destinados ao tratamento de pacientes com a Covid-19.

A evolução da doença na região está em aceleração e sinaliza para o aumento no número de casos nas próximas semanas. Um dado preocupante, informado pelo Comitê é que jovens entre 20 e 29 anos são a maioria dos infectados, embora a maioria das pessoas internadas sejam de mais idade. "O que preocupa é que os jovens infectados estão levando o vírus para familiares mais velhos, que são mais sensíveis à doença", diz o comitê.

Outra preocupação apresentada pelo comitê está relacionada aos profissionais de saúde, pois já há profissionais afastados e os hospitais já têm encontrado dificuldades na realização de escalas.

O comitê, pede a ajuda de toda a população no sentido de adotar as medidas de prevenção a Covid-19. O uso de máscara, o álcool gel e o distanciamento continuam sendo a melhor maneira de evitar a doença.

A região recebeu classificação para a bandeira vermelha na última rodada do distanciamento controlado, o que significa que a região é uma área de alto risco epidemiológico. O Comitê entende que a situação da covid-19 na região é extremamente grave, por isso decidiu que nesta semana não serão adotados protocolos da cogestão, o que significa que a partir desta terça-feira a R16 terá protocolo da bandeira vermelha. Ainda segundo o comitê, “se não forem tomadas as medidas de proteção e conscientização a região segue para um possível lockdown”.

Confira o parecer técnico divulgadopela AMAU:

A atualização do boletim divulgado pelo Comitê Municipal de Situação de Emergência para o Covid-19 mostra 3978 casos confirmados, um acréscimo de 127 novos infectados desde o boletim de sexta-feira (20).

São 47 pessoas hospitalizadas, o maior registro até agora, desde o início da pandemia, 14 estão em leitos de UTI. A maioria das internações é de pessoas que moram em Erechim. Entre os internados, o paciente mais novo tem 31 anos e o mais velho 92.

As equipes de saúde monitoram 1374 pessoas enquanto que 3709 já são consideradas recuperadas da doença. 



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...