Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Rio Grande do Sul
Governo do RS tem estoque de 4,5 milhões de seringas e já abriu processo de compra para mais 10 milhões
“RS tem estoque de seringas, estrutura e logística para vacinação do coronavírus”, garante Leite
Assessoria Gov/RS
por  Assessoria Gov/RS
07/01/2021 11:05 – atualizado há 16 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

O Brasil inteiro está na expectativa pela vacinação contra o coronavírus. Após a publicação na noite desta quarta-feira (6/1) pelo governo federal da Medida Provisória (MP) que permite ao poder público a compra de insumos e vacinas contra a Covid-19 com dispensa de processo de licitação, o governador Eduardo Leite divulgou um vídeo, na manhã desta quinta (7/1), em que garante que o Estado está preparado para iniciar a imunização dos gaúchos.

“É importante para tranquilizar a população gaúcha. O Estado tem estoque (de seringas), tem estrutura, tem logística preparada e tem planos de contingência também para uma eventual necessidade de maior mobilização do Estado em relação ao que vier do Ministério da Saúde para o plano de vacinação em relação ao coronavírus. Podem ter certeza que nós estamos atentos e trabalhando fortemente para garantir a imunização e a superação deste quadro em relação ao coronavírus neste ano de 2021”, afirmou o governador.
Leite e a diretora do Cevs, Cynthia Goulart Molina-Bastos, garantiram que o RS está mobilizado para a imunização - Foto: Rodger Timm / Palácio Piratini

De acordo com a diretora do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), Cynthia Goulart Molina-Bastos, o Rio Grande do Sul tem 4,5 milhões de seringas em estoque e já abriu processo de compra para mais 10 milhões de unidades. Além disso, tem 5 milhões de agulhas que podem ser usadas em outras seringas caso necessário. “Estamos numa situação muito tranquila em relação à chegada de qualquer vacina a qualquer momento, porque a gente tem toda a rede da vacinação contra a influenza pronta e desocupada”, afirmou Cynthia no vídeo.

Segundo a diretora, a preparação do Estado começou já em setembro do ano passado e toda a logística está sendo planejada, inclusive, para quando as duas campanhas – do coronavírus e da gripe – se sobreporem quando o inverno chegar. Por isso, inclusive a compra de caminhões para transporte dos insumos está sendo preparada, além de uma lista de empresas que já se candidataram a ajudar o governo em caso de necessidade. “Está tudo engatilhado para que, qualquer probleminha que houver, já haverá uma saída. É plano A, B e C”, disse Cynthia.

Ainda no vídeo, o governador destacou que está em contato direto com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para garantir que o RS receba todas as doses necessárias para imunizar toda a população gaúcha o mais breve possível. Com a publicação da MP, Leite afirma que “renova a confiança” na coordenação nacional de todo o processo de vacinação no Brasil.

A Medida Provisória estabelece um processo simplificado para a compra de vacina contra a Covid-19 e de insumos necessários para a imunização da população, permitindo que o poder público celebre contratos sem licitação, inclusive antes do registro sanitário e do aval para uso emergencial conferido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A MP tem força de lei e permite que o governo federal compre vacinas no mercado internacional.

Clique aqui para assistir o vídeo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...