Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Ivan Storti/Santos FC
Esporte
Classificação do Santos teve apoio do Rei Pelé e festa de Neymar
Santos e Palmeiras decidem a Libertadores no próximo dia 30, às 17h (horário de Brasília), no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.
Agência Brasil
por  Agência Brasil
14/01/2021 00:46 – atualizado há 20 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

O Santos se classificou à decisão da edição 2020 da Libertadores com enorme autoridade. Dominante do começo ao fim dos 90 minutos, o Peixe atropelou o Boca Juniors (Argentina) por 3 a 0 nesta quarta-feira (13), na Vila Belmiro, em Santos (SP). Há uma semana, no jogo de ida do confronto pelas semifinais, em Buenos Aires, as equipes empataram sem gols.

Antes de entrarem no ônibus que os levaria à Vila Belmiro para o jogo decisivo contra o Boca Juniors, da Argentina, pelas semifinais da Libertadores, os atletas do Santos receberam o incentivo do Rei do Futebol e ídolo máximo do clube praiano. Em entrevista coletiva após a vitória alvinegra, o técnico Cuca revelou que Pelé interagiu com o elenco por meio de uma chamada de vídeo.

“Quero agradecer ao Rei [Pelé] pelo que fez por nós hoje [quarta]. Entrou ao vivo com o grupo na concentração, momentos antes de virmos para cá. Deu uma falada com o pessoal. Aí, não tem quem não voe [em campo]. Acho que o único orgulho que temos hoje, de falarmos que somos brasileiros, é pelo Pelé. Participou da nossa conquista [classificação], mesmo estando como está. Obrigado, Rei. Essa foi para você”, declarou Cuca.

Antes de a bola rolar na Vila, Pelé também publicou uma mensagem de incentivo nas redes sociais. Na foto, o Rei relembrou uma das formações marcantes das quais fez parte na década de 60, ao lado de ídolos santistas como Gylmar dos Santos Neves, Pepe, Dorval, Mengálvio, Coutinho, Lima e Zito.

Após o apito final, Neymar voltou a movimentar a rede social. Em vídeo, o jogador aparece celebrando a classificação à final da Libertadores e provocando o volante Leandro Paredes, companheiro do PSG e que foi revelado no Boca, rival santista na semifinal. “Dia completo. Paris campeão e Peixão na final”, disse o atacante, em menção à conquista da Supercopa da França, também nesta quarta.

Santos e Palmeiras decidem a Libertadores no próximo dia 30, às 17h (horário de Brasília), no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. O Peixe busca o quarto título continental, o que o isolaria como clube brasileiro mais vezes campeão do torneio. Atualmente, o Alvinegro divide o posto com Grêmio e São Paulo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...