Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cidade
Covid-19: Situação se agrava e beira o colapso em Nonoai
Neste domingo, em uma rede social, profissionais da linha de frente fizeram um apelo para que a comunidade se conscientize sobre a grave situação que o município enfrenta.
Redação
por  Redação
14/02/2021 22:35 – atualizado há 18 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

Neste domingo, a Dra. Roberta e a Enfermeira Adriana,  através de um vídeo publicado no facebook da Prefeitura Municipal, vieram a público para falar sobre a grave situação que o município está enfrentando.

Segundo Dr. Roberta, a situação vivida neste final de semana é a mais grave desde o início da pandemia. "Nunca vivemos o que vivemos neste final de semana", ela disse. São 23 pacientes internados, quase todos positivos. O hospital tem recebido pacientes jovens que já chegam em estado que inspira muitos cuidados, já necessitando de oxigênio.

Reprodução/Facebook

Ela fala que o hospital não tem leitos de UTI e que há três dias tenta em outros hospitais uma vaga para paciente. Visivelmente cansados, esgotados pela alta demanda que a pandemia vem impondo no atendimento, a médica também informou que médicos, enfermeiro e técnicos estão afastados por causa da doença. 

A Prefeitura de Nonoai, decidiu adotar os protocolos de restrições previstos para a bandeira preta - risco altíssimo - do modelo de Distanciamento Controlado do governo do Estado. Em vigor desde o dia 12,  um decreto estabeleceu o toque de recolher na cidade entre 23h e 05h. Decreto é válido até o dia 16 de fevereiro.

Agentes da vigilância fiscalizam o cumprimento dessa medida nas ruas. O descumprimento gera sanções que variam de advertência a multas de R$ 100 a R$ 200.

O último boletim divulgado neste sábado, mostra 742 casos confirmados da doença, 188 suspeitos e 192 pessoas recebendo tratamento. Já são consideradas recuperadas 543 pessoas e 07 já perderam a vida por causa da Covid-19 no município. 

A enfermeira Adriana reforça o apelo para que a comunidade tenha consciência da importância do autocuidado, do uso de máscara, do álcool gel, do distanciamento e do isolamento, principalmente nesse momento.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...