Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Cidade
Prédio em construção desaba em Caçador e deixa trabalhadores feridos
Câmeras de segurança prefeitura gravaram imagens do momento em que prédio em construção desaba.
NSCTotal
por  NSCTotal
10/04/2021 21:17 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

Seis trabalhadores ficaram feridos depois que uma laje de um prédio em construção caiu no Centro de Caçador. Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento do acidente (assista abaixo) e o caso já está sob investigação da Polícia Civil.

Caçador ONLINE

Era por volta de 16h desta sexta-feira (9), quando parte da laje desabou, segundo publicação do jornal Diário Catarinense. Câmeras de segurança da prefeitura de Caçador mostram o momento. No local havia seis trabalhadores que estavam em cima da estrutura que despencou de uma altura de aproximadamente oito metros.

Segundo os bombeiros, dos seis que ficaram machucados, cinco tiveram ferimentos leves e escoriações. Um deles teve fratura.

O Samu também foi chamado para atender a ocorrência. Todos eles foram encaminhados ao Hospital Maicé. Na manhã deste sábado (10), a unidade de saúde informou que alguns já tinham recebido alta, mas não disse quantos e nem o estado de saúde de quem segue internado.

Caçador ONLINE

A obra é particular e, segundo o delegado responsável Adriano Moreira, a empresa já foi identificada, porém não revelou o nome. Os responsáveis serão chamados para prestar depoimento.

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina disse que o local foi fiscalizado em outubro de 2019, antes do início da obra, junto com a prefeitura de Caçador, e que a construção tem os documentos necessários. Dois engenheiros são responsáveis técnicos pelos trabalhos.

A Defesa Civil interditou o local por sete dias, período que os responsáveis terão para apresentem a documentação e o plano de continuidade de obra. Enquanto isso as causas do desabamento seguem sendo investigadas. O Instituto Geral de Perícias (IGP) fez análise no local e nos próximos dias deve apresentar um laudo para tentar identificar o que aconteceu.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...