Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
Eduardo Leite diz que promoções de policiais civis e militares serão encaminhadas nos próximos dias, diz Leite
Governador divulgou vídeo em saudação ao Dia do Policial Militar e Civil.
Rádio Guaiba
por  Rádio Guaiba
21/04/2021 11:26 – atualizado há 27 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O Dia do Policial Militar e Civil – comemorado junto ao feriado do patrono das forças de segurança, Tiradentes, nesta quarta-feira (21) – é marcado por um anúncio importante no Rio Grande do Sul. Em um vídeo divulgado nas redes sociais, o governador Eduardo Leite (PSDB) antecipou que a autorização para as promoções de agentes que atuam no Estado será encaminhada nos próximos dias.

“Ao longo destas carreiras, com a dedicação que têm os nossos servidores da segurança pública, é justo e merecido que tenham nas promoções de serviço a oportunidade de galgar novas oportunidades, novos espaços. E elas vão acontecer, nos próximos dias. A nossa equipe está finalizando a análise de documentações para poder garantir o encaminhamento deste justo reconhecimento”, afirma o político.

Político ressaltou a importância dos agentes para a redução da criminalidade. Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini

O mais recente avanço na carreira dos servidores aconteceu em meados de 2019, quando parte do efetivo da Polícia Civil gaúcha teve acesso à promoção. A continuidade deste processo, incluindo também os servidores da Brigada Militar, chegou a ser citada, no ano passado, como um dos fatores que tornava necessária a renovação das alíquotas majoradas de ICMS no Rio Grande do Sul.

Contribuição

O vice-governador Ranolfo Vieira Júnior (PTB) também se manifestou sobre o dia do Policial. Eleito após uma longa passagem na Polícia Civil, onde chegou a exercer o posto de delegado, o político – que acumula o cargo de secretário estadual de Segurança Pública – ressaltou a importância dos agentes para a redução dos índices de criminalidade, que se repete a cerca de três anos.

“É importante dizer que, durante todo esse período de pandemia, os operadores da segurança pública, ao lado dos agentes de saúde, não pararam em nenhum momento. Enquanto praticamente toda a sociedade respeitou e permaneceu sob distanciamento social, os policiais estiveram dioturnamente nas ruas, garantindo a segurança da população”, ressaltou Ranolfo.

Segundo o mais recente balanço divulgado pelo Palácio Piratini, relativo ao mês de março, o setor bateu diversos recordes positivos no primeiro trimestre de 2021. O número de vítimas de homicídio, por exemplo, caiu 18,5% na comparação com 2020, atingindo o menor patamar em 14 anos. O mesmo aconteceu nos roubos de veículos, que teve redução de 43,9%, e nos feminicídios, que reduziram em 18% no período.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...