Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP
Esporte
Grêmio e Lanús se enfrentam pela fase de grupos da Copa Sul-Americana
O jogo no estádio La Fortaleza, região metropolitana de Buenos Aires começa as 21h30.
Correio do Povo
por  Correio do Povo
29/04/2021 15:20 – atualizado há 7 horas
Continua depois da publicidadePublicidade

Grêmio e Lanús já decidiram uma Libertadores da América, em 2017. Ambos os clubes vivenciaram dias melhores no passado recente. Nesta quinta-feira, a partir das 21h30min, as duas equipes se reencontram, só que dessa vez pela fase de grupos da Copa Sul-Americana. O jogo no estádio La Fortaleza, região metropolitana de Buenos Aires, vale a liderança do Grupo H e é fundamental na briga pela única vaga na próxima fase da competição.

O Tricolor guarda ótimas recordações de La Fortaleza, onde conquistou seu terceiro título continental. “É um estádio onde fomos muito felizes, conquistamos um título importante, é um cenário que marcou a minha vida”, destaca o lateral-esquerdo Cortez, um dos poucos remanescentes do título da América.

Mas a realidade agora é outra, e o clube atravessa um momento de mudanças. A principal delas é no comando técnico. Tiago Nunes, campeão da Sul-Americana em 2018 com o Athletico Paranaense, fará seu segundo jogo à frente do Grêmio, o primeiro após desfrutar de alguns dias de trabalho com o grupo de jogadores. A expectativa é grande por possíveis alterações táticas no duelo com o Lanús, mesmo que o tempo de trabalho ainda seja bastante curto.

Tiago deve adotar, paulatinamente, um sistema de marcação por zona. Trata-se de uma modificação que demandará tempo. Com Renato Portaluppi, o time priorizava a marcação individual. Foram mais de quatro anos atuando dessa forma na grande maioria dos jogos.

O novo técnico também pretende optar por um estilo de jogo mais vertical, com toques rápidos e maior objetividade na transição ofensiva. Ao menos esses foram alguns indícios deixados por ele em suas primeiras entrevistas.

Há boas notícias para o confronto com o Lanús. Após mais de três meses sem atuar por conta de uma grave lesão no tornozelo, o zagueiro e capitão Pedro Geromel está de volta. A defesa ganha em qualidade e experiência. Kannemann, por outro lado, segue fora. Na lateral esquerda, Diogo Barbosa tem chances de retomar a titularidade.

A principal dúvida está na extrema direita. Alisson, o titular, ficará afastado por um longo período. Diante do Ypiranga, o escolhido para jogar na função foi Léo Pereira. O chileno Pinares, que seria o substituto natural, segue se recuperando de lesão. A escalação de Vanderson na lateral, com Rafinha mais adiantado, é uma possibilidade.

Copa Sul-Americana - 2ª rodada da fase de grupos

Lanús

Lautaro Morales; José Luis Gómez, Guillermo Burdisso, Alexis Pérez, Julián Aude, Tomás Belmonte, Facundo Quignon, Facundo Pérez, Pedro De la Vega, José Sand e Alexandro Bernabei. Técnico: Luis Zubeldía.

Grêmio

Brenno; Rafinha, Geromel, Ruan e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Matheus Henrique, Léo Pereira, Jean Pyerre e Ferreira; Diego Souza. Técnico: Tiago Nunes.

Árbitro: Piero Mazza (Chile).

Auxiliares: Claudio Urrutia (Chile) e Juan Serrano (Chile).

Local: Estádio Néstor Diáz Pérez, em Lanús (ARG)

Data: 29/04

Horário: às 21h30min

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...