Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Divulgação/CHSM
Rio Grande do Sul
Médico infectologista passa a atuar no Centro Hospitalar Santa Mônica
Profissional atuou na linha de frente da pandemia em Chapecó onde coordenava a Comissão de Resposta ao Covid.
Redação
por  Redação
29/04/2021 20:14 – atualizado há 3 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O Centro Hospitalar Santa Mônica passa a contar com o médico Hugo Noal, infectologista com 22 anos de experiência na área. O médico atuava no Hospital Regional do Oeste, em Chapecó, onde também foi coordenador da Comissão de Resposta ao Coronavirus.

O infectologista vai ter forte atuação no atendimento ambulatorial e no acompanhamento a pacientes com Síndrome Pós-Covid, ou seja, todos aqueles pacientes que tiveram a contaminação pelo Covid-19 e permaneceram com complicações.

A grande maioria das pessoas que passaram por internação hospitalar, em clínica ou UTI, por Covid-19, tem sequelas para tratar, como fraqueza, perda de peso, desarticulações, depressão, coinfecções, pneumonias, lesões de pele, febre prolongada, entre outros.

Conte com toda a estrutura integrada do Centro Hospitalar Santa Mônica, como laboratórios e exames de imagem, o médico trabalhar no atendimento e assistência às demais doenças infecciosas, como hepatites virais, tuberculose, hanseníase, HIV, infecções sexualmente transmissíveis, entre outra.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...