Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
Motorista de jogador erechinense que estava preso na Rússia deve voltar ao Brasil
Robson que era motorista do jogador Fernando estava preso desde março de 2019 acusado de entrar no país com medicamento ilegal
Agência Brasil
por  Agência Brasil
03/05/2021 07:36 – atualizado há 3 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O presidente Jair Bolsonaro anunciou neste domingo (2) que o governo da Rússia liberou Robson Nascimento de Oliveira, ex-motorista do jogador erechinense Fernando, atualmente jogador do Beijing Guoan, a retornar para o Brasil após mais de dois anos detido em Moscou.

"Depois de uma longa negociação com o governo Russo, foi anunciado no dia de hoje a liberdade do Robson, que trabalhava com o jogador Fernando, do Spartak, de Moscou. Quero agradecer ao governo russo por tê-lo liberado. O que Robson usava era permitido no Brasil, um medicamento. Mas, lá na Rússia, não, e o governo russo seguiu a legislação local", afirmou Bolsonaro, por meio das redes sociais.

Segundo o presidente, Robson chegará ao Brasil na quinta-feira (6). O motorista foi preso no dia 17 de março de 2019 ao entrar na Rússia com caixas do medicamento Mytedon (cloridrato de metadona). O remédio é usado no alívio da dor aguda e crônica intensa e é legalizado no Brasil, mas proibido no país europeu. A defesa do motorista sempre alegou que os remédios seriam para o sogro de Fernando, William Pereira de Faria. A história teve grande repercussão nas redes sociais, e a informação sobre o medicamento não chegou a ser confirmada pelo jogador de futebol e os seus familiares ao governo russo.

Foto: Reprodução/Facebook

"Foram dois anos que o Robson passou detido na Rússia. Hoje, nós agradecemos ao presidente Putin, ao embaixador russo no Brasil,[ Alexey Kazimirovitch Labetskiy], bem como ao nosso embaixador que está na Rússia, [Tovar da Silva Nunes]", disse Bolsonaro.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...