Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
PF prende seis membros de quadrilha que distribuiu R$ 6,7 milhões em notas falsas no RS
Organização criminosa atua há nove anos, e já produziu 75 mil cédulas.
Rádio Guaiba
por  Rádio Guaiba
07/10/2021 10:26 – atualizado há 35 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

A Polícia Federal prendeu, na manhã desta quinta-feira (7), seis integrantes de um grupo especializado na falsificação de dinheiro. Cinco dos integrantes da quadrilha viviam no Rio Grande do Sul – entre as cidades de Viamão, Alvorada e São Leopoldo – enquanto o outro foi encontrado em Santa Catarina, no município de Balneário Camboriú.

Líder do grupo era considerado foragido, mas está preso desde julho. Foto: Polícia Federal/Divulgação

Outras dezoito ordens judiciais foram cumpridas pelos agentes, com o objetivo de recolher provas para a sequência da investigação. Segundo a PF, a organização criminosa é uma das principais fabricantes de cédulas falsas do país, tendo produzido 75 mil cédulas em nove anos. O montante colocado em circulação chega a R$ 6,7 milhões.

Nos últimos anos, o grupo apostou na compra de celulares e eletrônicos, em plataformas de negociação de produtos usados, para repassar as notas falsificadas à diante. Diversos veículos, comprados com o dinheiro oriundo no crime, foram recolhidos pelos policiais – que também atuaram no bloqueio das contas bancárias dos envolvidos.

Principal nome da quadrilha já estava preso


O líder da organização criminosa estava foragido desde 2016 e foi preso no final de julho pela Polícia Federal. O acusado já havia sido condenado pela Justiça Federal pelo mesmo crime, após ser preso e indiciado pela PF. Ele é considerado um dos principais falsificadores de moeda do Brasil.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...