Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
Brigada Militar completa 184 anos e realiza formatura de 865 novos soldados
Iniciado em março deste ano, o curso formou 649 homens e 216 mulheres.
O Sul
por  O Sul
18/11/2021 17:17 – atualizado há 22 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

No dia em que completou 184 anos de serviços prestados à comunidade, a BM (Brigada Militar) formou 865 novos soldados. Na manhã desta quinta-feira (18), ocorreram solenidades simultâneas de formatura do Curso Básico de Formação da Polícia Militar em Porto Alegre, Montenegro, Osório, Santa Maria, Rio Pardo e Santa Rosa.

O governador Eduardo Leite e o vice-governador e secretário estadual da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, participaram da cerimônia na Capital, que ocorreu na Academia de Polícia Militar.

Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini

Iniciado em março deste ano, o curso formou 649 homens e 216 mulheres. Foram 1.730 horas de conteúdos como identidade corporativa, legislação aplicada à função, comunicação operacional, defesa pessoal, direito administrativo, decisão de tiro, direito penal, direito constitucional, história da Brigada Militar, direitos humanos, entre outras disciplinas teóricas e práticas, além do estágio supervisionado. Em função da pandemia, as turmas foram reduzidas, com no máximo 20 alunos por sala de aula.

“O ingresso desses novos servidores na corporação dá continuidade ao cronograma de chamamento apresentado pelo governo estadual a fim de assegurar a reposição planejada de efetivo nas instituições de segurança pública, no escopo do programa RS Seguro”, informou o Palácio Piratini.

O comandante-geral da BM, coronel Vanius Santarosa, parabenizou os formandos e destacou os investimentos recentes em armamentos com maior poder de fogo e viaturas semiblindadas, além de exaltar a instituição centenária. “Estamos na linha de frente na trincheira do combate à criminalidade, em uma instituição que é um patrimônio gaúcho e cuja história se confunde com a história do Rio Grande do Sul”, afirmou.

Após o juramento da turma, o soldado Andrio Vargas Nunes recebeu do governador a medalha coronel Odilon, por ter sido o primeiro colocado no curso.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...