Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Esporte
No Rio de Janeiro, Inter enfrenta o Fluminense em confronto direto por vaga na Libertadores
Apenas um ponto separa os dois times na tabela de classificação, com as duas equipes buscando a classificação para a próxima Copa Libertadores da América.
Correio do Povo
por  Correio do Povo
24/11/2021 10:37 – atualizado há 2 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

Depois de horas agitadas, resultado de uma sequência de maus resultados e de uma inesperada crise que acabou por tirar Paulo Paixão da comissão técnica, a delegação colorada embarcou ontem para o Rio de Janeiro. Hoje à noite, o Inter enfrenta o Fluminense, no Maracanã, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, sem poder pensar em outro resultado que não seja a vitória. Afinal, os dois clubes disputam a mesma posição na tabela e tem o mesmo objetivo: assegurar uma vaga na próxima edição da Libertadores.

Mas os últimos dias foram complicados. Não bastassem as dificuldades naturais vividas por um time que não consegue uma sequência de vitórias, Diego Aguirre ainda teve que lidar com uma série de consequências da divulgação de uma conversa em particular do agora ex-coordenador de preparação física do clube, Paulo Paixão, com um amigo. O áudio vazou nas redes sociais na segunda-feira e obrigaram o técnico a debruçar-se sobre o problema para contorná-lo.

Antes do treino de segunda-feira, o uruguaio reuniu o grupo e explicou que era uma conversa entre dois amigos. E que as críticas feitas por Paixão a alguns jogadores, especialmente Dourado, Patrick, Cuesta e Boschilia, não eram compartilhadas por outros integrantes da comissão técnica. O grupo aceitou as explicações, mas o estrago estava feito. No mesmo dia, à noite, o Inter confirmou o pedido de demissão do multicampeão preparador físico.

Ricardo Duarte/Inter

Pelo menos, o técnico ganhou uma boa notícia. Edenilson, que fora julgado e punido pelo STJD com mais um jogo de suspensão, poderá enfrentar o Fluminense. Isto porque os advogados do clube obtiveram efeito suspensivo da pena. “Vai ser uma partida muito difícil. O Fluminense é um grande rival, que também precisa dos três pontos. Temos que propor o nosso jogo para conquistar os três pontos e ficar mais próximos dos nossos objetivos”, enfatizou o meia Palacios, que, diante da ausência de Yuri Alberto, tem atuado como centroavante. “Quero ajudar os companheiros. Consegui algumas assistências, o que é importante. O gol daqui a pouco vai sair”, completa. Além de Yuri, o Inter não contará com Lindoso, que sofreu lesão muscular na coxa esquerda e para por 10 dias.

O Fluminense faz uma campanha muito parecida com o do Inter. Na última rodada, o time do técnico Marcão bateu o América Mineiro, em casa, por 2 a 0, e passou os colorados na tabela. Já o Inter vem de duas derrotas em sequência, para Cuiabá e Flamengo.

Brasileirão - 35ª rodada

Fluminense

Marcos Felipe; Samuel Xavier, Nino, David Braz e Marlon; Wellington, Martinelli, Yago; Luiz Henrique, Caio Paulista e Fred. Técnico: Marcão.

Inter

Marcelo Lomba; Saravia, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado e Johnny; Edenilson, Taison e Patrick; Palacios (Matheus Cadorini). Técnico: Diego Aguirre.

Árbitro
: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes:
Guilherme Dias Camilo e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
VAR:
Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Local:
Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data e Hora:
24 de novembro, quarta-feira, às 21h30min.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...