Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Divulgação/MetSul
Rio Grande do Sul
Semana deve ter onda de calor com temperaturas acima dos 40°C no RS
O pico do calor, no entanto, deve ocorrer na sexta e no sábado.
MetSul/Rádio Guaíba
por  MetSul/Rádio Guaíba
09/01/2022 20:34 – atualizado há 11 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

A previsão de calor intenso para essa semana no Rio Grande do Sul, com máximas que podem ultrapassar os 40°C em várias regiões, vai exigir cuidados especiais da população para evitar exposição ao sol e manter-se hidratada. Conforme a Metsul Meteorologia, em Porto Alegre e região metropolitana, o calor será extremo no próximo final da semana. As máximas superam os 35°C na Grande Porto Alegre já na terça ou quarta-feira.

O pico do calor, no entanto, deve ocorrer na sexta e no sábado. Para a sexta, a previsão para a Capital é de 38°C ou 39°C com marcas ao redor de 40°C no Vale do Sinos. 

"Essa semana no Sul do Brasil promete ser de calor intenso, com muito desconforto, e que deve afetar também Argentina e Uruguai", explica a meteorologista Estael Sias, da Metsul Meteorologia. No RS, Estael destaca que as maiores máximas oficiais foram de 42,6ºC em 1917 (Alegrete) e em 1943 (Jaguarão), ambos verões de forte estiagem como 2022.

"Poderemos chegar perto disso ou quem sabe até passar essa marca ao longo dessa semana em alguns municípios da metade Oeste do Estado. Poderemos superar recordes históricos", alerta. No início de janeiro, algumas partes do Estado já registraram marcas ao redor de 40°C. "A gente já deve ter na quarta, quinta e sexta marcas acima de 40°C na fronteira Oeste, na região de Uruguaiana, por exemplo. Grande Porto Alegre, em princípio, deve ter o ápice do calor e temperatura que no Vale do Sinos deve chegar a 40°C, 41°C".

Com previsão de marcas extremas de temperatura, especialistas reforçam os alertas para os cuidados com a saúde e como se proteger do calor intenso. Diante desse cenário de temperatura elevada, a dermatologista Giovana Serrão Fensterseifer recomenda o uso de filtro solar com fator de proteção solar (FPS) superior a 50. 

"É importante aplicar uma quantidade generosa de protetor solar. Uma colher de chá para a região da face, da cabeça e do pescoço. E reaplicar a cada duas horas se tiver suor excessivo ou entrar na água", frisa.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...