Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Política
Bolsonaro anuncia revogação de decreto que anulava lutos oficiais
Presidente justificou atender a "apelo popular" para manter os atos anteriores.
Correio do Povo
por  Correio do Povo
30/01/2022 21:23 – atualizado há 49 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

O presidente Jair Bolsonaro anunciou por meio de suas redes sociais, que decidiu anular os atos em que revogava decretos de luto oficial editados em seu governo e por antecessores. 

"Tendo em vista o apelo popular para que todos esses Decretos permanecessem vigentes, em respeito à história e à memória dos falecidos, tornarei sem efeito as revogações dos 122 atos, independente do governo que os decretou ou da personalidade homenageada", relatou.

Entre os lutos oficiais, estavam os do ex-arcebispo emérito de Recife e Olinda dom Helder Câmara, do ex-governador Rio de Janeiro Leonel Brizola e do sociólogo Darcy Ribeiro.

Bolsonaro editou recentemente um decreto de luto de um dia pela morte do guru bolsonarista Olavo de Carvalho. Ex-ministros do atual governo, como Abraham Weintraub (Educação) e Ernesto Araújo (Relações Exteriores), além de um dos filhos do presidente, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), foram alunos de Carvalho.

O mandatário foi alvo de críticas pelo decreto da morte de Carvalho, uma vez que não fez o mesmo com outras personalidades brasileiras, como Marília Mendonça e Elsa Soares, nem com as vítimas da pandemia de Covid-19.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...