Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Divulgação
Cidade
Santa Terezinha promove mais um sábado de mutirão organizacional
Mutirão Organizacional lançado em agosto de 2021, visa realizar visitas in loco aos ambientes de trabalho da instituição de saúde referência para o Sistema Único de Saúde (SUS).
Ascom Prefeitura de Erechim
por  Ascom Prefeitura de Erechim
14/03/2022 10:11 – atualizado há 4 minutos
Continua depois da publicidadePublicidade

A equipe gerencial da Fundação Hospitalar Santa Terezinha (FHSTE) realizou no sábado (11) pelo turno da manhã, o 5º Mutirão Organizacional, projeto lançado em agosto de 2021 e que visa realizar visitas in loco aos ambientes de trabalho da instituição de saúde referência para o Sistema Único de Saúde (SUS).

Na oportunidade foram trabalhados três ambientes: Sala de Internações localizada na porta principal da Casa de Saúde, recepção do Pronto Socorro e sala de espera da Traumatologia e Ortopedia.

Na ocasião, além dos ajustes físicos e colocação de mobiliários novos, foi possível dialogar com a equipe e usuários que estavam no momento aguardando atendimento. A sala de espera das internações e da traumatologia receberam todas as longarinas novas, o que possibilitou remodelar e revitalizar os ambientes.

No Pronto Socorro foram dimensionados as cadeiras e os espaços, bem como verificada a necessidade de sinalização visual, como também atendimentos prioritários, atendendo uma recomendação do Ministério Público.

Para tanto, serão realizadas as melhorias necessárias para qualificar o atendimento e atender os apontamentos. Durante a visita ao local várias avaliações e simulações foram realizadas no sentido de dotar o espaço físico com a melhor estrutura, visando facilitar os atendimentos aos usuários, considerando que os atendimentos são em números elevados.

No mês de janeiro do corrente ano foram realizados 7.182 atendimentos, o que dá uma média diária de 231 atendimentos e, em fevereiro, o quantitativo foi de 5.656, sendo 202 atendimentos dia. “Estamos verificando que estes atendimentos sofreram um impacto crescente, quando comparados ao ano de 2021. Nos primeiros dias de março a média diária tem ficado em 204 atendimentos dia”, pontua o diretor Executivo, Jackson Arpini.

O projeto denominado “Somos todos Santa”, visa um processo organizacional nas estruturas do hospital a partir de visitas in loco, que permite ajustes nos fluxos, melhorias a curto prazo, escuta dos colaboradores e usuários no sentido único de qualificar as estruturas e ações e serviços ofertados pelo ‘Santa’.

Até o presente momento já foram realizados cinco mutirões e estão programados mais dois para os próximos dias, que envolve a Central de Especialidades e o pátio interno, que vai receber um espaço de convivência.

Para a direção, o projeto tem apresentado ótimos resultados, a partir do momento que permite verificar possíveis carências da instituição de saúde, que podem ser equacionados com valores menos expressivos e de acordo com a capacidade de investimentos.

“Vários fluxos foram alterados e verificamos carências que foram supridas, como cadeiras de higienização, andadores e estamos adquirindo cadeiras de rodas para as portas principais. Olhar, observar e escutar atentamente oportunizam qualificar a gestão e assistência”, coloca Jackson Arpini.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE