Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
Suspeito de provocar acidente com sete mortes no Paraná é preso
Sete pessoas morreram após a colisão que envolveu um ônibus da Secretaria da Saúde de Pato Bragado e o caminhão.
G1
por  G1
02/05/2022 21:41 – atualizado há 7 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

O motorista de um caminhão foi preso após se envolver em acidente que deixou sete pessoas mortas e outras 13 feridas e fugir do local em Marechal Cândido Rondon, no oeste do Paraná, de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE). O acidente foi na manhã desta segunda-feira (2).

Conforme a PRE, o motorista confirmou que se envolveu no acidente com um ônibus da Secretaria Municipal de Saúde de Pato Bragado.

Divulgação PRE

Os policiais suspeitaram do caminhão após uma pesagem feita em uma cooperativa de Santa Helena, onde fiscais notaram que faltava cerca de uma tonelada e meia de carga de milho.

"Após informações recebidas de uma cooperativa, de que uma carreta chegou para descarregar milho e descarregou cerca de 1500 quilos a menos que deveria, pegamos as informações do motorista e dados da carreta. [...] Eles (policiais) realizaram a abordagem, esse motorista confirmou que havia se envolvido em um acidente, porém disse que pensou que seria um acidente leve e por isso não parou", informou o tenente da PRE, Eduardo Pontes.

Em seguida, de acordo com a PRE, o homem descarregou a carga de milho e carregou o veículo com pedras.

Segundo a polícia, quando o motorista foi abordado ele estava viajando para o Mato Grosso do Sul. O homem foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon.

Desde o começo da manhã, a PRE suspeitava de que um segundo veículo tinha envolvimento no acidente com ônibus que transportava pacientes para Toledo. Os policiais encontraram parte da carga de milho espalhada no trecho onde o acidente aconteceu. Grãos também estavam dentro do ônibus.

A polícia acredita que tenha acontecido uma colisão lateral entre os dois veículos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE