Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Edson Castro/Prime Comunicação
Esporte

Brasileiro de Rally desbrava Serra da Graciosa em sua primeira etapa

Competição que teve sede em Antonina, no litoral, cortou estradas da região levando público e competidores a conhecerem mais sobre a história e cultura locais

Edson Castro/Prime Comunicação
por  Edson Castro/Prime Comunicação
16/06/2024 19:39 – atualizado há 2 minutos
Continua depois da publicidadePublicidade

Com sede em Antonina, mas com programação que levou competidores e público também à vizinha Morretes, no litoral do Paraná, o Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade teve sua primeira etapa neste final de semana.

Em uma prova diferente, única do calendário disputada totalmente em asfalto, a corrida cortou ainda a Serra da Graciosa, que dá nome ao evento mais longevo do calendário, chegando a sua 37ª edição.

Na pista, vitória gaúcha na categoria Rally 2 (4x4, a mais forte), com Leonardo Cavaletti e Murilo Spironelo (Proto Rally). Eles somaram o segundo tempo no primeiro dia (sexta-feira) e venceram o sábado, 15, fechando assim com o primeiro lugar no final de semana. “Um final de semana sensacional, muito bom começar o ano vencendo”, disse Cavaletti.

Também do Rio Grande do Sul, Bernardo Rewsaat com o navegador catarinense, Sidnei Broering, venceu a disputa na categoria Rally 5 (4x2). A bordo do VW UP TSi, venceram os dois dias de prova. “Muito feliz pelo resultado e desempenho que conseguimos ao longo da corrida”, acrescentou Rewsaat.

A dupla da casa, Wendel Simioni e Rodrigo Vicari venceram na categoria Rally 4 (4x2). “É sempre muito bom andar aqui, prova sensacional e vencendo nos anima muito”, completa o piloto.

O Brasileiro de Rally vai agora para o Rio Grande do Sul onde terá sua próxima etapa, entre os dias 19 e 21 de julho, na cidade de Estação, localizada no norte do Estado.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE