SEGURANÇA

  • 21/03/2019 (15:53:01)

  • Repórter: Correio Brasiliense

Espalhadores de notícias falsas são alvos de ação da PF

Advogado e guarda municipal sao suspeitos de ataques contra o STF

Ações ocorrem por autorização do ministro Alexandre de Moraes, responsável pelo inquérito que corre no Supremo contra ataques à Corte

A Polícia Federal cumpre, na manhã desta quinta-feira (21), mandados de busca e apreensão contra suspeitos de serem autores de ataques e fake news contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). As ações foram deflagadas no âmbito de um inquérito aberto na Corte e está sendo conduzido pelo ministro Alexandre de Moraes.

A PF não divulgou quantos mandados estão sendo cumpridos. Mas as ações ocorrem em São Paulo e Alagoas. Entre os alvos estão um guarda municipal e um advogado, apontados como autores dos ataques e espalhadores de notícias falsas.

Na quarta-feira (20/3), Moraes designou dois delegados para conduzirem as investigações. Foram escolhidos Alberto Ferreira Neto, Chefe da Delegacia Especializada em Repressão a Crimes Fazendários da Polícia Federal e Maurício Martins da Silva, da Divisão de Inteligência do DIPOL da Polícia Civil de São Paulo.