GENTE

  • 27/03/2019 (08:48:54)

  • Repórter: Clic RDC

  • Fotógrafo: Clic RDC

Família autoriza doação de córneas de Rafael Henzel

Prefeito de Chapecó decreta Luto Oficial

O jornalista que sobreviveu o acidente com o avião da Chapecoense, morreu ontem após um infarto.

A família do jornalista Rafael Henzel, que morreu na noite desta terça-feira (26) autorizou a retirada de suas córneas para doação. Rafael foi vítima de um infarto enquanto jogava futebol em Chapecó. A cirurgia de remoção foi realizada durante a madrugada desta quarta-feira (27).

Rafael Henzel era jornalista do Grupo Condá de Comunicação, onde apresentava os programas Som e Café News e Golaço na rádio Oeste Capital. Ele também comandava a Equipe Clássico, que narra os jogos da Chapecoense. Henzel foi um dos quatro brasileiros sobreviventes na tragédia aérea com a delegação da Chapecoense, em 2016, junto de Alan Ruschel, Jakson Follmann e Neto. O narrador da rádio Oeste Capital deixa esposa e um filho.

Com a morte, a prefeitura de Chapecó decretou luto oficial de três dias. Muito querido pela cidade por representar um laço com o clube, Henzel lançou em 2017 o livro “Viva Como se Estivesse de Partida”. Na obra, ele fala sobre o acidente e a mensagem de importância à vida.