CIDADE

  • 31/05/2019 (00:35:28)

  • Julio Mocellin

Abuso e exploração sexual em debate

Evento põe abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes em debate

O Município, através da Secretaria Municipal de Assistência Social, realizou no Centro Cultural 25 de Julho, na manhã desta quinta-feira, 30, evento em alusão ao dia 18 de maio, designado por Lei Federal, como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Como organizador, o Centro de Referência Especializado da Assistência Social – CREAS, que atende vítimas de violação de direitos.

Na Mesa de Trabalhos, a presença do vice-prefeito Marcos Lando, da vereadora Sandra Picoli, representando o Poder Legislativo, da secretária Municipal da Assistência Social Linir Zanella, de Susana Braun, plantonista da Delegacia Especializada para a Mulher/DEAM, da capital do Estado e Cláudia Pires, coordenadora do CREAS.

Na manifestação das autoridades, Linir Zanella destacou a todos os presentes, que praticamente lotaram as dependências do Centro Cultural, que era uma grande oportunidade de saírem com mais conhecimento acerca do tema proposto no evento. “Estamos vivendo um novo momento e as nossas crianças precisam de proteção. Vocês são os nossos braços para trabalhar com as famílias e as crianças”.

Sandra Picoli destacou o debate como importante através de um tema triste e lamentável que também acontece em nosso município. “Que toda a criança tenha uma mão de apoio e alento. Parabenizo o Município pelo evento e a todos os profissionais”.

Por sua vez, o vice-prefeito Marcos Lando destacou o momento de debate como muito importante e fundamental para ampliar o aprendizado. “Uma oportunidade para valorizar as crianças e dar todo o apoio necessário, de debater o tema com toda a sociedade. Um dia produtivo e quem ganha são as crianças que devem estar protegidas”.

Dando prosseguimento aos trabalhos, ocorreu a palestra com a psicóloga Suzana Braun, especialista em violência sexual infantil pela Universidade de São Paulo, e atua como plantonista da Delegacia Especializada para a Mulher/DEAM da capital do Estado.

Autora do livro “A Violência Sexual na Família: do Silêncio à Revelação do Segredo”, foi coordenadora do Serviço de Saúde Mental da Secretaria de Segurança Pública do RS e coordenadora do Serviço de Psicologia do Departamento Estadual da Criança e do Adolescente da Polícia Civil.