CIDADE

  • 28/06/2019 (13:27:21)

  • Da Redação

  • Repórter: Fonte: Correio do Povo

Honras militares

Corpos de policiais mortos em Porto Alegre são velados com honras militares

Marcelo de Fraga Feijó e Rodrigo da Silva Seixas foram homenageados em Viamão e Caçapava do Sul

Com honras militares, os corpos dos dois policiais militares do Pelotão de Operações Especiais do 19º BPM, mortos durante uma ação na vila Maria da Conceição, no bairro Partenon, em Porto Alegre, estão sendo sepultados nesta sexta-feira. O soldado Marcelo de Fraga Feijó, 30 anos, foi enterrado nesta manhã no cemitério Serapião José Goulart, na ERS 040, em Viamão, enquanto o soldado Rodrigo da Silva Seixas, 32 anos, será à tarde no Cemitério das Catacumbas, na avenida Pedro Anunciação, em Caçapava do Sul. Familiares, amigos, colegas de farda e autoridades civis e militares, entre outros, prestam as últimas despedidas sob forte emoção.

Nos dois sepultamentos, as honras militares compõem-se de guarda fúnebre, toque de clarim, marcha fúnebre, salva de tiros e toque de silêncio. No momento do enterro do soldado Marcelo de Fraga Feijó em Viamão foram realizados sirenaços de viaturas com giroflash ligados nas unidades da Brigada Militar em todas as cidades gaúchas, sendo prestadas também continência e minuto de silêncio.

Em várias cidades, outras forças de seguranças participaram juntas. Policiais rodoviários estaduais e federais, policiais civis, bombeiros militares e voluntários, além de socorristas e guardas municipais, manifestaram solidariedade. A mesma homenagem será feita à tarde no enterro do soldado Rodrigo da Silva Seixas em Caçapava do Sul.

O governador Eduardo Leite esteve presente nos velórios. “É um momento muito triste. Essa situação nos toca muito. Dois policiais jovens que levaram ao extremo o juramento de prestar segurança e atender a sociedade com o emprego da própria vida. Estamos aqui para prestar homenagem e solidariedade, além do agradecimento às famílias pelos dois soldados que atenderam ao juramento. A BM tem atuado de forma competente, com toda as suas forças, para a redução da criminalidade em todo o Estado. Os números são claros...Essa atuação firme tem garantido a redução da criminalidade”, declarou.

Houve ainda o comparecimento do vice-governador e secretário estadual da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, além do comandante-geral da Brigada Militar, coronel Mário Ikeda que também manifestou-se. “É uma situação lamentável. A família brigadiana está de luto por perder dois jovens policiais militares no cumprimento de sua função. O que eles estavam fazendo, que é combater a criminalidade, é o que a BM faz diariamente. Eles não se furtaram, era uma noite fria, e estavam em um beco, fazendo abordagem e trabalhando em prol da sociedade. Perdemos dois bravos brigadianos. Estamos nos despedindo deles e rendendo a última continência a eles”, afirmou.

O coronel Mário Ikeda confirmou que os soldados Marcelo de Fraga Feijó e Rodrigo da Silva Seixas vão receber promoção post mortem, passando a segundo sargento e cuja remuneração ficará com as respectivas viúvas.