CIDADE

  • 04/07/2019 (13:41:14)

  • Da Redação

  • Repórter: Fonte: Correio do Povo

Assistência Social e Cidadania

Gigantinho abre na sexta para receber moradores em situação de rua

Será oferecido sopão, colchonetes e cobertores

O ginásio Gigantinho, em Porto Alegre, vai abrir suas portas para a população de rua nesta sexta-feira (05), na noite que deverá ser a mais fria do ano. A ação inédita é uma parceria entre o Sport Club Internacional e a Prefeitura Municipal de Porto Alegre. Será oferecido um sopão, preparado pelas torcidas organizadas do clube. 

A Fundação de Assistência Social e Cidadania (Fasc) vai disponibilizar colchonetes e cobertores. O Gigantinho estará aberto das 19h às 21h de sexta-feira para receber os acolhidos. Inicialmente, haverá capacidade para 300 pessoas, o que praticamente irá dobrar o acolhimento oferecido hoje na Capital, que dispõe de 355 vagas. No Gigantinho, haverá coleta de donativos, especialmente colchões e cobertores para ampliar as vagas disponíveis, inclusive com recebimento e distribuição no próprio local. As doações podem ser realizadas no portão 1 do ginásio.

Para abrigar as pessoas com segurança, a diretoria de Relacionamento Social do Internacional informa que obteve a liberação de alvarás e o Plano de Prevenção e Proteção Contra Incêndio (PPCI) do ginásio também está em dia.

Na madrugada desta quinta-feira, quando os termômetros registraram 5ºC na Capital, o Albergue Municipal, que tem capacidade para 120 pessoas, estava lotado. Além disso, a Fasc disponibiliza outras vagas em albergues conveniados, mas ainda não informações se todas foram preenchidas. 

A Operação Inverno tem como objetivo ampliar o número de vagas para albergagem para reduzir os efeitos do frio, principalmente durante a noite. Para 2019, os albergues registram um acréscimo de 60 vagas até setembro, além das 355 disponibilizadas durante o ano, totalizando 415 vagas. O Albergue Felipe Diehl, que disponibiliza 145 vagas, contará com mais 60. 

A inspiração da ação veio da Argentina. Na noite dessa quarta, o River Plate abriu o Estádio Monumental de Nuñez para abrigar a população em situação de rua de Buenos Aires. O time arrecadou doações de cobertores e roupas para as pessoas que não têm lar.