SEGURANÇA

  • 08/08/2019 (16:27:56)

  • Repórter: Rádio Gaúcha

  • Fotógrafo: Claudio Froemming / Folha do Mate

Ladrões atacam banco e lotérica  no Vale do Rio Pardo

Quadrilha usou cordão humano para facilitar ação na pequena cidade de Vale Verde. 

Uma agência do Sicredi foi alvo de criminosos em Vale Verde, município de 3,5 mil habitantes do Vale do Rio Pardo, nesta quinta-feira (8). O ataque aconteceu por volta das 13h50min.Pouco mais de uma hora depois do crime, a Brigada Militar (BM) prendeu um suspeito de participar do assalto.

Um grupo de criminosos chegou no município e obrigou cerca de 15 moradores a formarem cordão humano. Segundo a BM, os criminosos estariam armados com fuzis. Três deles, encapuzados, teriam entrado na agência, enquanto cerca de cinco ladrões aguardavam no lado de fora, obrigando os moradores a formarem o cordão humano. 

 Após o ataque, eles teriam fugido com reféns  — ainda não se sabe quantos foram levados. Ainda conforme a BM, algumas pessoas teriam sido colocadas na caçamba de uma caminhonete usada pelo bando, mas a Brigada diz que elas foram liberadas pouco depois. 

(BPM) explicou que o bando fugiu em direção a municípios vizinhos e à Capital.

Por volta das 15h, a BM conseguiu prender um dos suspeitos de participar do ataque em uma localidade entre General Câmara e Charqueadas. O nome do detido não foi divulgado. Houve confronto entre os policiais militares e os criminosos, mas ninguém ficou ferido. A BM localizou ainda um carro capotado — o modelo não foi divulgado. No interior do veículo, foram encontradas armas, munições, miguelitos, e toucas ninjas.