ESPORTES

  • 09/08/2019 (15:50:01)

  • GZH

  • Fotógrafo: André Ávila / Agencia RBS

D'Alessandro e dirigentes do Inter são absolvidos pelo STJD

Porém, Pedro Lucas foi punido com três jogos e não joga mais pela Copa do Brasil


O meia D'Alessandro e os dirigentes Marcelo Medeiros, Roberto Melo e Rodrigo Caetano foram absolvidos nesta sexta-feira (9), em julgamento no STJD. Eles haviam sido denunciados por conta dos episódios ocorridos na vitória do Inter sobre o Palmeiras, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O atacante Pedro Lucas pegou três jogos de suspensão.

D'Alessandro havia sido denunciado no artigo 258, por "desrespeitar a arbitragem", e poderia pegar até seis jogos de suspensão. Já os dirigentes foram citados nos artigos 243-F e 258, por ofensas a arbitragem e também poderiam ser suspensos.

Foram punidos apenas o assessor de imprensa Rafael Antoniutti e o gandula Santiago Aguirre.  Os dois pegaram 30 dias de suspensão.

A defesa do Inter no STJD, no Rio de Janeiro, foi realizada pelo advogado Rogério Pastl.