AGRICULTURA

  • 28/08/2019 (12:54:28)

  • Repórter: Assessoria/Expointer

  • Fotógrafo: Divulgação/Expointer

80 LITROS DE LEITE POR DIA

Banho de leite premia o proprietário das vacas mais produtivas

​ O proprietário dos dois animais premiados nas categorias “vaca adulta” (80 litros) e “vaca jovem”( 78 litros), Fabrício Zatt comemorou o título.

As duas vacas holandesas campeãs do concurso leiteiro da Expointer 2019 são da Agropecuária Zatt, do município de Colorado. É a primeira vez que o proprietário, Fabrício Zatt, participa de um concurso deste tipo. “Precisamos sempre acreditar em quem está nos ajudando, na nossa equipe”, disse. Ele e sua equipe levaram o tradicional banho de leite na premiação do concurso. Para a ocasião, esteve presente o secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho.

Na categoria vaca adulta, recebeu o título de mais produtiva a Cotribá Zatt 75 Brawler, que fez 80,11 quilos de leite no concurso. Já na categoria jovem, foi a Cotribá Zatt 34 Windsor, que fez 73,18 quilos. “Foi uma surpresa ganhar. É muito recompensador e mostra que temos futuro”, acrescenta Zatt. “Trabalho com isso há cerca de 30 anos e fazemos seleção genética. Compramos sêmen dos melhores touros para inseminar as fêmeas”, conta o produtor.

O concurso é promovido pela Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul (Gadolando). O presidente da entidade, Marcos Tang, diz que os animais que participam do concurso não podem ser estimulados de nenhuma forma e só fazem ingestão voluntária oral de feno e ração durante as 24 horas do torneio. “Não pode dar nem ocitocina. Seguimos um código de ética que os concorrentes assinam antes de entrar para o concurso e levamos em conta as questões de bem-estar animal”, esclarece.

Este ano, 13 vacas de seis produtores diferentes participaram do concurso. Os animais passaram por cinco ordenhas. Para definir o resultado, são descartados os valores das duas maiores ordenhas e somadas as outras três. “Isso garante que o resultado final vai ser mais real ao que a vaca realmente consegue produzir no cotidiano”, explica o presidente. “Os resultados são muito satisfatórios e mostram o quão eficiente é a raça holandesa.”

Contra o desperdício
O banho de leite dos campeões do concurso de vacas leiteiras holandesas é tradicional na Expointer, mas o produto não é desperdiçado. A maior parte é água morna, explica Marcos Tang. É usado somente o necessário para tingir a àgua de branco.