EDUCAÇÃO

  • 30/08/2019 (10:47:13)

  • Repórter: Da Redação

​ BOLSONARO ESCOLHE NOVO REITOR DA UFFS 

Marcelo Recktenvald era o terceiro da lista tríplice

O professor era o terceiro mais votado na listra tríplice, tendo Gismael Francisco Perin, professor efetivo da UFFS Erechim, como vice-reitor. Diretor da UFFS em Erechim, publicou nota criticando a decisão do presidente.

O presidente Bolsonaro nomeou o professor  Marcelo Recktenvald como novo reitor da Universidade Federal da Fronteira Sul. Cristão,  conservador, defensor da família e pastor batista, o professor efetivo da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) em Chapecó junto com o professor em Erechim, Gismael Francisco Perin, era o terceiro da lista tríplice montada pleito da UFFS. 

Marcelo Recktenvald  até março deste ano ocupou o cargo de  Pró-Reitor de Gestão de Pessoas da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).  A posse vai acontecer na próxima quarta-feira, em Brasília, no Ministério da Educação.  Marcelo era o terceiro colocado na lista tríplice encaminhada ao presidente. 

1º  Anderson André Genro Alves Ribeiro - reitor -26 votos - Lísia Regina Ferreira - vice-reitora - 26 votos

2º Antônio Inácio Andrioli - reitor - 19 votos - Adriana Remião Luzardo - vice-reitora - 19 votos

3º Marcelo Recktenvald - reitor - 4 votos  -  Gismael Francisco Perin - vice-reitor - 4 votos

Saiba mais sobre o reitor da UFFS, escolhido por Bolsonaro: 

Doutor em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) (2017); Mestre em Administração pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (FURB) (2005); Possui especialização em Gestão Estratégica Empresarial pela Universidade de Passo Fundo (UPF) (2001), e especialização em Avaliação Institucional pela Universidade de Brasília (UnB) (2003). Bacharel em Administração pela Universidade de Passo Fundo (UPF) (1997) e em Teologia pela Faculdade Kurios (2009). Tem experiência nas áreas de Administração e Educação, com ênfase nos seguintes temas: gestão universitária, avaliação institucional e regulação, educação superior, políticas públicas, administração geral.

O novo reitor deve empossar seu vice ainda na próxima semana. Marcelo e Gismael  se identificam muito e são os únicos declaradamente de direita, sem militância política, entre as outras três candidaturas apresentadas. 

Gismael Francisco Perin é professor de Magistério Superior, efetivo desde 2010 e morador de Getúlio Vargas. 

Gismael disse na manhã desta sexta-feira(30), que a UFFS vai abrir suas portas e se aproximar muito da comunidade regional. "Quem trabalha e estuda na UFFS precisa valorizar o que dela recebe. Aqui na universidade tudo vem do trabalhador, daquele que paga impostos para o governo. Logo temos que trabalhar e estudar com dedicação para depois dar o retorno com trabalho em favor da sociedade. Vamos fazer uma administração séria e muito transparente, sem doutrinação ou militância", disse o futuro vice-reitor, professor da UFFS em Erechim. 

No início da tarde o diretor do Campus Erechim publicou nota criticando a decisão do presidente que escolheu o menos votado para assumir a reitoria da UFFS. Veja a nota: 

"Nota oficial da Direção da UFFS - Campus Erechim

A Direção da Universidade Federal da Fronteira Sul - Campus Erechim vem a público manifestar preocupação com a nomeação, para o cargo de reitor, do terceiro colocado na Consulta Prévia e Informal à Comunidade Universitária e, também, no processo de composição da lista tríplice ocorrido no Conselho Universitário. Tal entendimento sustenta-se no fato de que essa nomeação não representa o projeto democraticamente legitimado pela Comunidade Universitária da Instituição. Nesta oportunidade, aproveitamos para reafirmar nossos compromissos com a autonomia universitária e com os preceitos democráticos que devem orientar o projeto institucional da UFFS, tendo em vista o seu caráter público, popular e de qualidade.

Luís Fernando Santos Corrêa da Silva
Diretor da UFFS - Campus Erechim"