ESPORTES

  • 10/10/2019 (16:44:01)

  • GZH

CAIU

Odair Hellmann não é mais técnico do Inter

Confirmação foi feita na tarde desta quinta-feira, após derrota fora de casa para o CSA


Odair Hellmann não é mais técnico do Inter. O treinador não resistiu ao tropeço para o CSA nesta quarta-feira (9), em Maceió, e foi comunicado da decisão pelo executivo Rodrigo Caetano. Além dos quatro jogos sem vitórias no Campeonato Brasileiro, contribuíram para a demissão as duas derrotas diante do Athletico-PR na final da Copa do Brasil. Por outro lado, o vice-presidente de futebol, Roberto Melo, será mantido no cargo. O presidente Marcelo Medeiros concederá entrevista coletiva às 17h30min.

Se após o apito final a tendência já era de uma troca no comando técnico, a entrevista de Roberto Melo, evidenciou a pressão que era enfrentada pelo treinador. Embora não tenha confirmado a saída de Odair, Melo deixou o futuro em aberto: 

—  Estamos sob constante avaliação. Agora, a gente tem que pensar em fazer um grande jogo no domingo e vencer o Santos. Vamos chegar em Porto Alegre, sentar e avaliar o que está faltando. Nesse momento ele é o treinador, mas não posso garantir ninguém.  A gente fez uma boa Libertadores, chegou na final da Copa do Brasil, mas o nosso momento não é bom. Vamos sentar nos próximos dias e pensar no melhor para o Inter — afirmou o dirigente ainda no estádio. 

Também no Rei Pelé, o próprio Odair falou sobre o momento de dificuldade após quatro jogos sem ganhar. Segundo ele, a pressão faz parte do dia a dia da profissão.

— É o primeiro momento que temos uma sequência sem vitórias e temos de entender que faz parte. As cobranças acontecem, não só de fora, mas também internamente. Tem de buscar soluções para fazer um bom jogo e buscar resultado — declarou.  — Vou trabalhar amanhã (quinta) como trabalhei no meu primeiro dia — completou, ao ser questionado se seguiria no clube.

À frente do time há dois anos e 10 meses, Odair foi o treinador mais longevo do Inter desde Rubens Minelli, multicampeão pelo clube entre 1974 e 1976. Sem contar os jogos como interino, o catarinense comandou o Colorado em 116 oportunidades, com 61 vitórias, 27 empates e 28 derrotas. É o oitavo técnico com mais partidas pelo clube, à frente de nomes como Ênio Andrade e Tite.

Após cumprir os últimos três jogos da Série B de 2017 de forma interina – estava no jogo do acesso, contra o Oeste – Odair foi efetivado para o início da temporada 2018. Em seu primeiro ano, liderou o Inter de volta à Libertadores com um terceiro lugar do Brasileirão. Em 2019, ficou com os vices do Gauchão e da Copa do Brasil e foi até as quartas de final da Libertadores, onde acabou eliminado pelo Flamengo de Jorge Jesus.  

Odair Hellmann no Inter: 

  • 116 jogos

  • 61 vitórias

  • 27 empates

  • 28 derrotas

  • 151 gols marcados

  • 89 gols sofridos

  • 60,3% de aproveitamento