POLÍTICA

  • 16/10/2019 (13:37:34)

  • Assessoria

  • Fotógrafo: Assessoria

EM BUSCA DE ACORDO PRÉVIO

Paparico Bachi defende maior entendimento entre Judiciário e os servidores para aprovação do PL 93/2017

Na reunião de líderes na manhã de ontem (15) o líder da bancada do Partido Liberal na Assembleia Legislativa, deputado Paparico Bacchi, não deu acordo para colocar em votação o PL 93/2017.


A votação do PL 93/2017, do Judiciário, que propõe a extinção dos cargos vagos de Oficial de Arquivo e de Oficial Escrevente e daqueles atualmente providos, à medida que vagarem, bem como a criação de cargos em carreira de Técnico Judiciário, foi novamente adiada. 

O projeto já estava apto para votação, mas os deputados optaram por conceder mais tempo para negociação entre os servidores e a direção do Tribunal de Justiça. O texto tem sido alvo de protestos de servidores pertencentes às carreiras a serem extintas. 

Na reunião de líderes na manhã de ontem (15) o líder da bancada do Partido Liberal na Assembleia Legislativa, deputado Paparico Bacchi, não deu acordo para colocar em votação o PL 93/2017. 

Paparico Bacchi entende que antes de ir a plenário a proposta precisa de entendimento entre o Judiciário e os servidores. Ao sair da reunião, Paparico Bacchi anunciou o posicionamento diretamente aos manifestantes que lotavam os corretores do parlamento gaúcho.