SEGURANÇA

  • 11/11/2019 (08:57:44)

  • Repórter: Da Redação

TRÂNSITO NO RS

Acidentes deixam cinco mortos e 19 feridos no Estado no fim de semana

Colisões ocorreram em diferentes rodovias do Rio Grande do Sul

Quatro pessoas morreram e 19 ficaram feridas em acidentes em vários pontos do RS. Em apenas uma colisão, 17 pessoas ficaram feridas.

Uma capotagem em Maquiné, na BR 101, causou a morte de uma pessoa e ferimentos a outras duas.


O motorista de um Gol 2002, morreu após bater no antigo posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e também antigo pedágio, na BR 285, trecho de Passo Fundo a Carazinho. A colisão  ocorreu por volta das 19h30 de domingo (10) e  o carro tem placas de Passo Fundo, sendo DAN-9932.

O motorista, que estava sozinho no veículo, seguia no sentido Carazinho a Passo Fundo, quando perdeu o controle e entrou direto no antigo posto da PRF, derrubando uma parede de concreto e morrendo na hora. Ele foi identificado como Renan Lavratti, de 34 anos, morador de Passo Fundo, mas natural de Chapada-RS.


Em São Luiz Gonzaga, na BR 285, uma colisão frontal no fim da tarde de ontem, resultou na morte do condutor de um dos veículos.

Em Triunfo, também uma colisão frontal, na tarde de ontem, entre um Honda Civic, com placas de Meleiros (SC), e um Siena, de Montenegro, na BR 386, deixou um morto e cinco feridos. A condutora do Civic, de 38 anos, morreu no local. Os cinco ocupantes do Siena ficaram feridos e foram socorridos.



Em Rosário do Sul, a colisão de um motorhome contra uma manada de búfalos, que invadiu a pista, deixou 17 pessoas feridas na manhã de ontem. Após o impacto, o veículo tombou em um banhado existente à margem da rodovia. Os ocupantes do motorhome foram encaminhados a hospitais da região. O estado de saúde do grupo é estável.



Morreu neste domingo(10), um dos homens feridos em um acidente de trânsito envolvendo três caminhões ocorrido na última quarta-feira, 6, na BR 386 em Triunfo. Marcos da Costa da Cunha, 30 anos, era funcionário da Eurovias, empresa que trabalha para a CCR Via Sul, que detém a concessão do trecho. 

Ele trabalhava na manutenção da rodovia quando um caminhão bateu na traseira de um guincho da empresa por volta das 5h30min.