SEGURANÇA

  • 12/11/2019 (23:10:31)

  • GZH

  • Fotógrafo: Everton Ubal / Brigada Militar/Divulgação

TROCA NO COMANDO

Mulher integra, pela primeira vez na história, o alto escalão da Brigada Militar

Coronel Cristine Rasbold será chefe do Estado-Maior da BM e tomará posse na segunda-feira, na Capital


Coronel Santarosa (E) é o subcomandante, coronel Mohr (C) é o comandante-geral e a coronel Cristine a chefe do Estado Maior


O novo comando da Brigada Militar (BM) no Rio Grande do Sul será formado pelo já confirmado coronel Rodrigo Mohr Picon, 50 anos, como comandante-geral, pelo subcomandante coronel Vanius Cesar Santarosa, 51, e pela chefe do Estado-Maior da BM, coronel Cristine Rasbold, 56. Ela é a primeira mulher a assumir posição no alto comando na corporação.

Os nomes foram divulgados nesta terça-feira (12) pela Associação dos Oficiais da Brigada Militar e confirmados pelo comandante Mohr. O trio toma posse formalmente na próxima segunda-feira (18), em cerimônia na Academia de Polícia Militar, na Capital.

Há 33 anos na Polícia Militar e natural de Bento Gonçalves, o coronel Santarosa é piloto da BM e atuou no Batalhão Aéreo da corporação. Recentemente, estava atuando no Vale do Sinos. Já a coronel Cristine, que é diretora do Departamento Administrativo da BM, está há 34 anos na Brigada. A coronel também já foi diretora do Colégio Tiradentes.

— Vamos investir muito na proteção à mulher. Ela está chegando não por ser mulher, mas pelo mérito. O mérito do trabalho dela na corporação. Acredito que pela sensibilidade da coronel Cristine vamos poder trabalhar ainda mais mais forte na proteção da mulher — afirma o comandante-geral da corporação. 

Anunciado na semana passada, coronel Rodrigo Mohr Picon vai substitui o coronel Mario Ikeda no comando-geral. Natural de Porto Alegre, ingressou na Brigada Militar em 19 de fevereiro de 1987. Ele já foi comandante do 9° Batalhão de Polícia Militar (BPM) e do 19° BPM, e subcomandante do 1° BPM, todos na Capital.