SEGURANÇA

  • 29/12/2012 (11:44:00)

Feriadão

Primeiro dia de Operação Viagem Segura de Ano Novo não contabiliza nenhuma morte

Em seu primeiro dia de atuação neste feriadão de Ano Novo, entre a zero hora e a meia-noite de sexta-feira (28), a Operação Viagem Segura, esforço conjunto dos órgãos de trânsito, não registrou nenhum óbito nas ruas e estradas gaúchas

Em seu primeiro dia de atuação neste feriadão de Ano Novo, entre a zero hora e a meia-noite de sexta-feira (28), a Operação Viagem Segura, esforço conjunto dos órgãos de trânsito, não registrou nenhum óbito nas ruas e estradas gaúchas. Ocorreram, porém, 157 acidentes, sendo que 32 deles ocasionaram lesões em 46 pessoas.  O trabalho de conscientização no sentido de que os condutores evitem misturar álcool e direção, impulsionado pelo endurecimento da legislação, está mostrando seus efeitos: dos 442 testes com etilômetro aplicados, somente 28 registraram consumo de álcool. Metade desses condutores, porém, foram enquadrados em crime de trânsito (nível alcoólico acima de 0,33 mg por litro de ar expelido dos pulmões).  A fiscalização abordou, somente nestas primeiras 24 horas, 14.791 veículos, tendo registrado 2.779 infrações. Foram conduzidos a depósito 146 veículos e recolhidas 30 carteiras de habilitação.  Preocupadas com o alto índice de acidentes no Natal, as instituições participantes da Operação Viagem Segura estenderam o reforço da fiscalização, incluindo a próxima quarta-feira (1º). Foi constatado que o excesso de velocidade e as ultrapassagens indevidas foram os maiores causadores de acidentes. As autoridades pedem a colaboração da população, informando sobre comportamentos perigosos e de risco no trânsito, pelos telefones de emergência da PRF (191) nas estradas federais e do Comando Rodoviário da BM (198), nas estradas estaduais.  Historicamente, o Ano Novo é um feriado com menos mortes. Em 2012, foram registradas oito vítimas fatais no local do acidente, mesmo número de 2011. A média de mortes por dia foi de 2,7 em ambos, número menor que a média geral dos 13 feriados (de 2007 a 2012), que foi de 3,2 mortes/dia.  A Viagem Segura tem como principais parceiros Detran/RS, Cetran/RS, Brigada Militar, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Empresa Pública de Transportes e Circulação (EPTC) e órgãos municipais de trânsito, Federação das Associações dos Municípios do Estado (Famurs), Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), sob a coordenação do Comitê Estadual de Mobilização pela Segurança do Trânsito.