Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Pixabay
Rio Grande do Sul

Metsul prevê chuvas e temporais neste começo de semana no RS

Neste domingo, da tarde para a noite, assim como ontem, o calor gera novas áreas de instabilidade isoladas com pancadas localizadas de chuva e risco de temporais isolados.

Metsul
por  Metsul
11/02/2024 11:58 – atualizado há 31 segundos
Continua depois da publicidadePublicidade

Chuva e temporais se somam à onda de calor no Rio Grande do Sul com precipitação irregular, embora localmente forte. A MetSul Meteorologia projeta para este começo de semana um aumento da instabilidade no estado gaúcho, o que fará com que chova em maior número de locais e com possibilidade de alguns temporais.

A instabilidade vem ocorrendo há vários dias no Rio Grande do Sul, mas de forma muito localizada. O calor intenso forma nuvens carregadas com chuva que afeta em alguns casos apenas parte de um município, tão isolada que é a instabilidade.

Assim, a chuva cai em um canto e não cai em outro. Sob convecção, em que o ar ascende na atmosfera, e quanto mais quente mais leve se torna o ar, formam-se nuvens isoladas do tipo Cumulus da tarde para a noite que causam chuva isolada, eventualmente forte e com temporal. 

Ontem, sábado, o calor muito intenso, com máximas perto de 40ºC e sensação térmica acima de 40ºC, formou áreas de instabilidade por convecção em várias regiões do território gaúcho e que trouxeram chuva mal distribuída, apesar de forte a intensa em algumas poucas localidades.

O que esperar da chuva 

Hoje, amanhã e terça serão dias com registros de chuva no Rio Grande do Sul. Projeta-se um aumento da instabilidade no estado por conta da maior umidade e da atuação de uma frente fria, o que vai levar chuva a todas as regiões, apesar de grande variabilidade de volumes. 

Neste domingo, da tarde para a noite, assim como ontem, o calor gera novas áreas de instabilidade isoladas com pancadas localizadas de chuva e risco de temporais isolados. As regiões com maior probabilidade destas precipitações mal distribuídas são o Oeste, o Noroeste, o Centro e o Sul gaúcho.

Já nesta segunda-feira o cenário começa a mudar. O avanço de uma frente fria traz uma maior probabilidade de chuva e em maior número de locais em áreas do Oeste e do Sul do estado, notadamente mais próximas da fronteira com o Uruguai. Nas demais regiões do estado, a chuva é mais localizada e ocorre por convecção.

Na terça-feira, por sua vez, a frente fria avança pelo Rio Grande do Sul e traz chuva mais generalizada no território gaúcho e que será localmente forte a intensa com risco de alguns temporais. Será o dia com mais chuva no estado em várias semanas, apesar de que não se projeta chuva com elevados volumes em todos os municípios. Além da chuva, não se pode descartar tempo severo isolado com risco de rajadas de vento.

Qual o risco de temporais?

Os três dias têm risco de temporais isolados no Rio Grande do Sul. A atmosfera está por demais aquecida e a temperatura muito elevada, o que agrava o risco de tempestades localizadas, especialmente de chuva forte e vento. Não é, contudo, uma condição que se assemelhe ao evento de 16 de janeiro, que teve vendavais intensos em muitas cidades do interior e na capital. Ocorrências de tempo severo tendem a ser mais pontuais desta vez.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE