Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Entretenimento
Ator João Carlos Barroso morreu nesta segunda-feira (12), aos 69 anos
Ele sofria de câncer havia algum tempo. A morte de Barroso foi anunciada por amigos nas redes sociais.
Redação
por  Redação
13/08/2019 10:46 – atualizado há 2 meses
Continua depois da publicidadePublicidade


O ator carioca João Carlos Barroso morreu aos 69 anos, na última segunda-feira (12). Ele sofria de câncer havia algum tempo. A morte de Barroso foi anunciada por amigos nas redes sociais.

"É com imensa tristeza que recebo esta notícia. Nosso grande amigo. João Carlos Barroso – Barrosinho, colega de profissão e de grandes lutas. Parceiro de futebol dos artistas inúmeras vezes, nos deixou. Que Deus o receba em seu reino de luz. Meus sentimentos à família", publicou o ator Mario Cesar Nogueira em sua página no Facebook. 

Galã da TV nos anos 1960 e 1970, João foi descoberto por produtores quando jogava futebol na rua. Estreou no cinema em 1961 em Pedro e Paulo, acompanhado por nomes como Francisco Cuoco, Jece Valadão e Jardel Filho. No ano seguinte, ele estreou no teatro.  Na TV Globo, Barros estreou na série Rua da Matriz, a primeira produção dramatúrgica da emissora, em 1965. 

Em seu currículo, Barroso interpretou personagens memoráveis como Tavico, em Estúpido Cupido (1976), e Toninho Jiló, em Roque Santeiro (1985).  Ao longo de sua trajetória na TV, trabalhou em novelas e atrações da Globo, como Os Ossos do BarãoPecado CapitalLocomotivas, O Pulo do Gato, Pecado Rasgado, Uga Uga, Tropicaliente e Marron Glacê

Também trabalhava em programas humorísticos como Os Trapalhões e Zorra Total.  Sua última participação em novela foi em Sol Nascente (2016), no qual interpretou o delegado Mesquita.

Colaborou: GZH

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE