Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Agro
ATÉ FINAL DO ANO | Secretaria da Agricultura suspende aplicação do herbicida 2.4-D
​Químico é utilizado pelos sojicultores e vêm causando prejuízos em produções de frutas
Redação
por  Redação
04/12/2019 16:49 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural confirmou, nesta terça-feira, a suspensão da utilização do herbicida 2,4-D nas lavouras do Rio Grande do Sul até o dia 31 de dezembro. O químico, utilizado pelos sojicultores, estaria causando prejuízos em produções de frutas como uvas, azeitonas e maçãs, especialmente nas regiões da Campanha, fronteira Oeste, Central e Campos de Cima da Serra.

A proibição do herbicida foi avalizada pelo secretário da Agricultura, Covatti Filho, após reunião realizada, pela manhã, com técnicos do Grupo de Trabalho do 2.4-D. Nesta quarta-feira, será publicada no Diário Oficial do Estado uma instrução normativa decretando a proibição do 2.4-D.
A medida pode ser prorrogada pelo governo. No encontro, foram apresentados novos estudos.  Das 143 amostras coletadas em 41 municípios gaúchos, 132 deram positivo para presença do agrotóxico.

Na semana passada, o Ministério Público recomendou que o governo determinasse a suspensão da aplicação do agroquímico enquanto durar a greve dos fiscais agropecuários, iniciada na terça passada. Na soja, o 2.4-D é usado para controlar plantas daninhas e invasoras e para aumentar a eficiência de outros herbicidas. Porém, o produto se espalha e destrói culturas mais sensíveis.

Foto: Felipe Dalla Valle / Palácio Piratini

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE