Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
Suspeito pela morte da menina Emanuelle é encontrado morto em cadeia de SP
A informação foi confirmada pela Polícia Civil da cidade paulista. As circunstâncias da morte serão investigadas, mas a polícia acredita em suicídio.
Redação
por  Redação
15/01/2020 11:24 – atualizado há 1 mês
Continua depois da publicidadePublicidade

Aguinaldo Guilherme de Assunção, de 49 anos, suspeito de ter matado a facadas a menina Emanuelle Pestana de Castro, de 8 anos, em Chavantes (SP), foi encontrado morto na cela onde estava preso no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cerqueira César, a 304 km de São Paulo, na madrugada desta quarta-feira. A informação foi confirmada pela Polícia Civil da cidade paulista.

Reprodução/TV TEM

Conforme informações, um funcionário do CDP fazia a contagem de presos na cela e se deparou com Assunção enrolado em um lençol. A polícia acredita em suicídio mas, as circunstâncias da morte do suspeito serão investigadas.

Rede Social/ Reprodução

Sobre o caso

A menina Emanuelle estava desaparecida desde sexta-feira 10, quando saiu para brincar no parquinho de uma praça. O corpo dela foi encontrado na noite de segunda-feira 13, perto de um córrego em uma área rural da cidade. Assunção que é vizinho da mãe de Emanuelle, confessou que assassinou a menina, após depoimento para a polícia. 

O motivo do crime

Ele teria ficado contrariado com a decisão da mãe de Emanuelle de proibir a filha de brincar com seu enteado, após brigas recentes entres dois.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE