Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Segurança
Homem é encontrado dentro de porta-malas após acidente na ERS 122
Acidente em farroupilha envolveu um caminhão-baú e um automóvel.
Rádio Guaíba
por  Rádio Guaíba
08/06/2021 13:21 – atualizado há 16 dias
Continua depois da publicidadePublicidade

A Polícia Rodoviária Estadual encontrou um homem preso dentro do porta-malas de um Renault Logan após um acidente que aconteceu por volta das 7h30 desta terça-feira, na ERS 122, em Farroupilha. A colisão foi registrada no km 45 da rodovia, distante cerca de dois quilômetros da conhecida curva da morte.

Corpo de Bombeiros de Farroupilha

O acidente envolveu um caminhão-baú com placas de Capela de Santana que trafegava no sentido São Vendelino-Farroupilha que acabou sendo atingido na traseira pelo Renault Logan com placas de Novo Hamburgo.

O Corpo de Bombeiros de Farroupilha e os Bombeiros Voluntários de São Vendelino foram acionados para prestar atendimento. O motorista do carro teve ferimentos leves. Ele estava acompanhado de uma mulher que foi conduzida ao Hospital São Carlos de Farroupilha para atendimento médico e de uma menina de seis anos que não se feriu.

Durante o atendimento, um homem foi encontrado preso no porta-malas e teve alguns ferimentos. Os tripulantes do carro não apresentaram documentos e o motorista ferido foi encaminhado sob custódia da Brigada Militar ao Hospital São Carlos.

Posteriormente, todos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil para prestar esclarecimentos. As primeiras informações apontam que o homem teria sido colocado no porta-malas devido a desavenças. O motorista do caminhão não se feriu.

O delegado relatou que a polícia já tinha informações sobre o sequestro e fazia buscas ao veículo quando foi informada sobre o acidente. O policial  informou que ouviu os envolvidos na tarde desta terça-feira e decretou prisão em flagrante do casal.

Sobre o motivo do rapto, o delegado da Polícia Civil, Ederson Bilhan, disse que teria sido por uma suspeita de violência sexual contra uma menina de seis anos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...